A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

03/06/2014 17:01

Neymar brilha, Brasil passa no 1º teste e goleia Panamá por 4 a 0

Helton Verão
Neymar comandou a seleção na tarde desta terça-feira (foto:  Rafael Ribeiro - CBF)Neymar comandou a seleção na tarde desta terça-feira (foto: Rafael Ribeiro - CBF)
Dani Alves foi outro destaque jogando apenas meio tempo e deixando o seu (foto:  Rafael Ribeiro - CBF)Dani Alves foi outro destaque jogando apenas meio tempo e deixando o seu (foto: Rafael Ribeiro - CBF)
Outro destaque da partida, foi o pênalti e a expulsão, claríssimos, assinalados pelo árbitro boliviano Raul Orosco, árbitro da Fifa, e depois cancelados, alegando erradamente impedimento Outro destaque da partida, foi o pênalti e a expulsão, claríssimos, assinalados pelo árbitro boliviano Raul Orosco, árbitro da Fifa, e depois cancelados, alegando erradamente impedimento

A seleção brasileira venceu fácil o Panamá por 4 a 0 na tarde desta terça-feira (3), no estádio Serra Dourada, em Goiânia. Com boa atuação de Neymar, que fez o seu e distribuiu passes para que a goleada fosse construída.

Os gols foram marcados pelo camisa 10, por Daniel Alves, Hulk e Willian. Outro destaque da partida, foi o pênalti e a expulsão, claríssimos, assinalados pelo árbitro boliviano Raul Orosco, árbitro da Fifa, e depois cancelados, alegando erradamente impedimento de Dante.

Agora a seleção canarinho volta a campo na sexta-feira (6), às 15 horas novamente, contra a Bósnia, no Morumbi, em São Paulo. Este será o último teste antes da estreia dia 12, às 16 horas, contra a Croácia, na Arena Corinthians.

O jogo - A seleção brasileira dominou a primeira etapa e não teve tanta dificuldade para fazer dois a zero, com gols de Neymar de falta e do lateral direito Daniel Alves. Até a metade da etapa a seleção canarinho teve dificuldades para se acertar, mas apesar disso, após o primeiro gol a equipe se soltou.

O Brasil foi a campo com Julio Cesar; Dani Alves, David Luiz, Dante, Marcelo; Luiz Gustavo, Ramires, Oscar; Hulk, Neymar, Fred.

O primeiro gol saiu aos 26 minutos, após boa arrancada do camisa 10, que preferiu buscar com a individualidade a conclusão do lance e acabou sofrendo a falta. Na cobrança, clássica, quase no ângulo, sem chances para o goleirão.

Depois disso, Neymar se soltou, muitos dribles e pancadas. Aos 39, Dani Alves recebeu, teve tempo de pensar, para rematar de longe, no canto do goleiro, 2 a 0.

O árbitro boliviano Raul Orosco, árbitro da Fifa, distribuiu cartões na primeira etapa, algo incomum para amistosos, foram quatro, dois para cada lado. David Luiz e Neymar para o Brasil e Cooper e Tejada para os panamenhos.

Na segunda etapa, com várias substituições, Maicon, Hernanes e Maxsuel, logo no início, Hulk, recebeu belo passe de Neymar de calcanhar e tocou de trivela, bonito, 3 a 0 Brasil.

Os panamenhos foram colocados na roda, depois de mais outra bela jogada do camisa 10, Maxsuel cruzou com estilo tirando do goleiro, deixando Willian com o trabalho apenas de empurrar a bola para o gol. 4 a 0.

O lance do pênalti e vermelho cancelado aconteceu no finzinho, aos 40. Mas não fez falta. Final, Brasil 4 a 0, e muitos gritos de olé.



...Adentramos ao "século 21" com a maioria da população Brasileira possuindo a mesma ignorância do início do século 20, se tratando de "resultados futebolísticos"!...A política do "Pão e Circo" existe desde a Roma antiga, e através dos tempos vem mantendo governos incompetentes e corruptos no poder, mas sem as devidas consequências, nem sempre pouco catastróficas para a economia daqueles que delas foram "súditos".
 
Paulenir Nogueira de Barros em 03/06/2014 19:33:46
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions