A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

31/01/2015 18:39

Novo Palmeiras atropela o Audax e ganha confiança da torcida: “É dia 8”!

Daniel Machado
Seguido por Allione, inspirado, Robinho festeja o segundo gol (Foto: LANCE!Press)Seguido por Allione, inspirado, Robinho festeja o segundo gol (Foto: LANCE!Press)

O Palmeiras começou a temporada da melhor maneira possível, com uma vitória tranquila, convincente e, até certo ponto, empolgante diante de 25 mil palmeirenses em seu belo e novo estádio, o Allianz Parque, embora o mando tenha sido do adversário, por acordo entre as diretorias.

Confiante, o Alviverde precisou somente do primeiro tempo para construir o placar e foi para o intervalo já com três gols de vantagem sobre o Osasco Audax, gols dos atacantes Leandro Pereira, Robinho e Maikon Leite. Rafinha descontou já nos acréscimos para o time de Osasco.

Apesar do destaque para os atacantes, o sistema defensivo do Palmeiras também fez um papel. O zagueiro Vitor Hugo, de ótima atuação, iniciou as jogadas dos dois primeiros gols do Verdão, com desarmes perfeitos.

Em ambos, o argentino Allione (outro destaque do jogo) avançou em alta velocidade e cruzou com perfeição, primeiro para Leandro Pereira chegar batendo de primeira, aos seis minutos, depois para Robinho matar no peito e concluir, aos 13. O terceiro gol foi de Maikon Leite, completando jogada que começou com um erro rival na saída de bola, aos 35.

E poderia ter sido mais. Ainda no primeiro tempo, o árbitro ignorou um pênalti sobre Allione, derrubado enquanto fazia belíssima jogada pela esquerda. Maikon Leite, Robinho e Leandro Pereira, autores dos gols, poderiam ter aberto vantagem na artilharia se estivessem com a pontaria mais calibrada. Chances não faltaram...

Se ainda é cedo para afirmar que esse time (que ainda vai melhorar, com Dudu, Leandro (o outro), Alan Patrick, Valdívia, Arouca e Rafael Marques) brigará por títulos, pelo menos os 90 minutos desta tarde de sábado foram mais do que suficientes para dar um bom prenúncio de que aquele Palmeiras horrível de 2014, que quase foi rebaixado para a segunda divisão do Brasileirão, não existe mais.

A confiança, pelo menos, voltou às arquibancadas, com a torcida palmeirense gritando a plenos pulmões: “É dia 8”, em referência ao clássico com o Corinthians, a ser realizado no mesmo local, no início de fevereiro.

Antes disso, porém, o Palmeiras pega a Ponte Preta na próxima quinta-feira, às 19h30, de novo na Allianz Parque, enquanto o Audax enfrenta o Botafogo-SP na terça, também às 19h30.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions