A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

10/06/2014 18:40

Prefeitura monta megaestrutura para abrigar caravana de chilenos

Filipe Prado

Dos 3,2 mil chilenos que irão passar por Dourados, 1,4 mil devem chegar por volta das 22h de hoje no município, que fica a 233 quilômetros de Campo Grande. Para recepcionar a caravana Santiago Brasil, a Funed (Fundação de Esportes de Dourados), melhorou a estrutura do Estádio Douradão, onde eles irão ficar até partirem para Cuiabá (MT).

De acordo com o diretor-presidente da Funed, José Antonio Coca do Nascimento, o estádio possui quatro vestiários, com 12 chuveiros cada, mas adicionando mais 20, 10 para homens e 10 para mulheres, com água quente. Ele contou que o local possui 100 sanitários.

Ele comentou que desde ontem vários chilenos já chegaram à cidade. “Ontem umas 40 pessoas dormiram aqui”, disse.
Coca explicou que o grupo diminuiu por que eles enfrentaram uma nevasca no meio do caminho, então parte da caravana ficou parada. “Mas os 3,2 mil chilenos irão passar pelo Mato Grosso do Sul. Alguns chegaram por Ponta Porã, Corumbá, mas todos passarão pelo Estado”.

Por conta da passagem da caravana, Coca assegurou que muitos hotéis estão com vagas esgotadas, “principalmente os que estão na beira da rodovia”, relatou. Porém a maioria dos chilenos irá dormir em barracas em volta do Douradão.

A caravana se desloca rumo à Cuiabá no dia 11, sendo acompanhada por equipes da PRF (Polícia Rodoviária Federal) até sua chegada em Campo Grande e demais viaturas distribuídas em pontos estratégicos da rodovia até que deixem nosso estado adentrem no Mato Grosso, onde acompanharão os jogos da Copa do Mundo. Um helicóptero da PRF também irá monitorar o comboio durante seu deslocamento.

Os 800 veículos, entre carros e motohomes, saíram de Santiago, no Chile, no dia 7 e se deslocaram pela Argentina, entrando no Estado, principalmente, pela cidade de Mundo Novo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions