A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

05/04/2016 14:49

Profissionais do judô organizam estrutura de desafio internacional na Capital

Thiago de Souza
Gebara quando disputou o Super Desafio de Judô Brasil x Áustria. (Foto: Divulgação/CBJ)Gebara quando disputou o Super Desafio de Judô Brasil x Áustria. (Foto: Divulgação/CBJ)

O Super Desafio BRA de judô entre Brasil e Coreia do Sul e o Campeonato Brasileiro Regional de Judô, no próximo sábado (9), no Ginásio Dom Bosco, demandam estrutura técnica e logística, e movimentam profissionais da modalidade no Estado.

O vice-presidente da FJMS (Federação de Judô de Mato Grosso do Sul), conta que o ritmo de preparação para o evento é intenso. “Fazemos reuniões a cada dois ou três dias e ficamos conectados no whastapp dia e noite acertando detalhes da disputa”.

Segundo o dirigente a estrutura física é de responsabilidade da FJMS. “Montamos os tatames, fornecemos as TV's de 42 polegadas que são os placares, além das câmeras de vídeo que ficam voltadas para a área de competição. No desafio internacional serão duas câmeras e no Brasileiro serão 4 câmeras. 

Pascoal destaca que todos os materiais utilizados na competição são de padrão olímpico. Sobre o público, ele estima de quatro a cinco mil pessoas que vão lotar o Ginásio Dom Bosco no sábado.

Ainda de acordo com Pascal, haverá ônibus para buscar crianças nas academias de judô da cidade. "Vamos levar principalmente crianças atendidas por projetos sociais do judô", comenta. Ele finaliza dizendo que uma equipe preparada é fundamental para que eventos desse porte aconteçam em Mato Grosso do Sul. 

A trabalho de logística é feito em parceria entre a FJMS e a CBJ (Confederação Brasileira de Judô). 

Além da judoca Camila Gebara, que vai lutar no desafio internacional, o fisioterapeuta sul-mato-grossensem, Gabriel Bogalho, é destaque fora dos tatames. O profissional trabalha para Confederação Brasileira e participa dos eventos disputados no Estado, organizados pela FJMS. 

O Super Desafio BRA Coreia do Sul de Judô acontece na parte da manhã, a partir das 8 horas, e o Campeonato Brasileiro Regional começa ao meio-dia.

A competição promove a disputa entre três atletas no feminino e dois no masculino dos dois países. São eles: Camila Gebara (+78), Ketleyn Quadros (63kg); Nathália Brígida; Walter Santos (+100kg) e o meio-leve Gabriel Pinheiro. O evento é aberto ao público pois é subsidiado pelo Governo Federal.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions