A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Dezembro de 2018

15/12/2017 09:06

Sorteio hoje à tarde na sede da CBF define tabela da Copa do Brasil 2018

Paulo Nonato de Souza
A Copa do Brasil de 2018 vai pagar R$ 50 milhões ao campeão, outros R$ 20 milhões ao vice-campeão, R$ 8 milhões aos clubes semifinalistas, além de R$ 4 milhões pela participação nas quartas de finalA Copa do Brasil de 2018 vai pagar R$ 50 milhões ao campeão, outros R$ 20 milhões ao vice-campeão, R$ 8 milhões aos clubes semifinalistas, além de R$ 4 milhões pela participação nas quartas de final

Os confrontos da primeira fase da Copa do Brasil de 2018 serão conhecidos em sorteio nesta sexta-feira, às 14 horas (horário de Mato Grosso do Sul), na sede da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), no Rio de Janeiro.

Na programação do sorteio são 80 clubes distribuídos em oito potes de dez clubes cada, de A ao H, conforme a sua posição no ranking da CBF. Os dez clubes melhores ranqueados estão no pote A, os dez próximos do B e assim sucessivamente.

Representantes de Mato Grosso do Sul, o Novoperário, de Campo Grande, e o Corumbaense estão na ala dos últimos rankiados, ou seja, no pote H, e terão como adversários os clubes do pote D, onde estão América de Natal, Botafogo da Paraíba, Asa de Arapiraca (AL), Cuiabá (MT), Salgueiro (PE), Rio Branco (AC), Confiança (SE), Remo (PA), CSA de Alagoas e Ituano (SP).

Mandos de campo - As duas primeiras fases serão disputadas em partidas únicas. O mando de campo na primeira fase pertencerá ao clube de posicionamento inferior no Ranking da CBF. Já na segunda fase, o mando será definido por meio de sorteio, que também será nesta sexta-feira (15). Assim, o vencedor do confronto da primeira fase já saberá se atuará como mandante ou visitante na etapa seguinte.

Sem gol qualificado - O formato tradicional da Copa do Brasil foi mantido, mas a edição de 2018 terá uma grande novidade: não haverá gol qualificado em nenhuma das fases. Ou seja, os gols marcados na casa do adversário não valem mais como critério de desempate.

“Levamos em consideração as opiniões dos clubes, técnicos, jogadores e profissionais envolvidos no universo do futebol. Diante do sucesso da Copa do Brasil e de sua importância crescente, entendemos que a melhor decisão seria padronizar a questão do gol qualificado, promovendo maior equilíbrio técnico”, explicou o diretor de Competições da CBF, Manoel Flores.

Outra mudança - Atendendo aos pedidos dos clubes, a data limite para inscrição de jogadores foi ampliada na Copa do Brasil. O prazo deste ano foi o dia 24 de abril. Em 2018, as equipes poderão receber novos atletas até 30 de julho, antes das Quartas de Final.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions