A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

20/03/2015 11:37

Tribunal julga sem efeito denúncia de racismo contra o Corumbaense

Paulo Nonato de Souza
O lateral Robinho, do Naviraiense, teria sofrido injúrias racistas em Corumbá (Foto: Divulgação)O lateral Robinho, do Naviraiense, teria sofrido injúrias racistas em Corumbá (Foto: Divulgação)

O Corumbaense está livre de qualquer punição, não perdeu pontos nem será multado. Foi o que disse agora pela manhã a advogada Celina Dantas Guimarães, presidente do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD), da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS).

Julgado ontem à noite, por supostos atos racismo de alguns torcedores contra o lateral-direito Robinho, do Naviraiense, em jogo do Campeonato Estadual de futebol de 2015, realizado no dia 25 de fevereiro no Estádio Arthur Marinho, o Corumbaense foi absolvido pelo TJD, que rejeitou a denúncia do seu Procurador, Wilson Pedro dos Anjos.

“A denuncia feita com base na súmula do árbitro e na documentação, inclusive vídeos, foi rejeitada pelos auditores. No julgamento de ontem foram ouvidas a partes envolvidas na questão e com base em tudo que foi apresentado os procurares rejeitaram, tornaram sem efeito. Entenderam que não cabia a denuncia, ou seja, eles entenderam que a denúncia com base na questão de injuria não procedia”, explicou Celina.

O artigo 243 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), em que o Corumbaense havia sido denunciado, prevê punição de perda de pontos, perda de mando de campo e pagamento de multa.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions