A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017

30/07/2017 10:15

Vettel vence na Hungria e volta a abrir vantagem sobre Hamilton na liderança

São 202 pontos para o piloto da Ferrari contra 188 de Lewis Hamilton, que terminou na quarta posição

Amanda Bogo e Richelieu de Carlo
Vettel recebe a bandeirada no fim do GP da Hungria (Foto: Reprodução/ Twitter F1)Vettel recebe a bandeirada no fim do GP da Hungria (Foto: Reprodução/ Twitter F1)

O alemão Sebastian Vettel venceu o Grande Prêmio da Hungria de Fórmula 1, na manhã deste domingo (30), e voltou a ampliar a vantagem na liderança do campeonato. A diferença, que antes deste fim de semana era de apenas um ponto, passou para 14. São 202 pontos para o piloto da Ferrari contra 188 de Lewis Hamilton, que terminou na quarta posição.

Tida como a equipe que mais se beneficiaria com o traçado deste domingo, a Ferrari confirmou as expectativas e fez a dobradinha. O finlandês KimiRaikkonen, que largou na primeira fila, atrás de Vettel, não teve muitos problemas para perseguir o alemão e terminar em segundo. ValtteriBottas, da Mercedes, completou o pódio em terceiro.

Após a largada, Sebastian Vettel conseguiu se manter na ponta, com Kimi Raikkonen logo atrás. Max Verstappen acabou tocando em Daniel Ricciardo, que rodou e deixou a prova. Com o acidente, o holandês em penalizado em 10S. O SafetyCar permaneceu na pista por cinco voltas devido ao óleo derramado por um dos carros da RBR.

Na 16ª volta, a vantagem do piloto da Ferrari para Raikkonen, segundo colocado, era de 3,2 segundos, tempo que foi reduzido para 1,8 seg após dez voltas.

Já na metade do GP, Verstappen assumiu a liderança, mas não manteve por muito tempo, já que precisou fazer sua primeira parada e pagou a punição imposta após colisão, voltando em quinto.

A 30 voltas para o fim, Vettel e Raikkonen começaram a relatar problemas nos carros. Pelo rádio, o alemão reclamou do volante e de instabilidade na dianteira.

Com isso, a Mercedes orientou que Hamilton ultrapassasse Bottas e atacasse o ferraristas. Como o inglês não conseguiu atingir o objetivo, no fim da corrida, ele deixou que Bottas assumisse a terceira posição, assegurando vaga no pódio.

Classificação do GP da Hungria. (Foto: Reprodução/Twitter F1)Classificação do GP da Hungria. (Foto: Reprodução/Twitter F1)



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions