ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, DOMINGO  20    CAMPO GRANDE 23º

Jogo Aberto

Após "alerta", casamento polêmico fica em sigilo

Por Nyelder Rodrigues, Gabriela Couto e Ângela Kempfer | 09/06/2021 06:00
O casório foi interrompido pela chegada da PM; até dupla sertaneja cantou no evento (Foto: Direto das Ruas)
O casório foi interrompido pela chegada da PM; até dupla sertaneja cantou no evento (Foto: Direto das Ruas)

Bico fechado - A festa de casamento em Maracaju que descumpriu diversas normas de biossegurança e o bom senso nesse período de pandemia de covid-19 está dando o que falar. Mas agora as informações ficarão mais escassas, pelo menos do ponto de vista oficial.

Não entra mosca - Guilherme Sarian, delegado da cidade, revelou que as primeiras informações sobre o evento foram divulgadas para "servir de alerta" à população. Feito isso, alegou,  não serão mais repassadas diariamente à imprensa e serão tratadas em sigilo, "como qualquer outra investigação policial".

Substituição - Amarildo Cruz (PT), recém-empossado como deputado estadual, foi nomeado líder da bancada petista ontem (08). O colega de partido, Pedro Kemp, fez o anúncio durante a sessão da Assembleia Legislativa.

Completa - Foi solicitada, ainda, a substituição oficial de todas as vagas ocupadas José Almi, que faleceu de covid-19 no dia 24 de maio. Com isso, Amarildo, que herdou o mandato do colega, fica automaticamente no lugar.

Viralizou - Em Sidrolândia, cidadão conhecido como "Mandioca" fez brincadeira de mau gosto sobre compra. Ele retira a publicidade prefeita Vanda Camilo (PP), em uma caixa de correio e coloca R$ 100 no lugar, além de falar palavões e dizer como funcionaria a eleição na cidade

Voluntário - "Mandioca" é voluntário da campanha do ex-prefeito Enelvo Felini (PSDB), que reprovou a atitude. "A pessoa que acaba se empolgando e fazendo besteira. Não compactuamos com agressividade e respeitamos nossa adversária. Parece brincadeira, mas ficou deselegante"

Jurídico - Vanda, em nota, disse que encaminhou as imagens para a equipe jurídica da campanha. "Mas posso reafirmar o meu compromisso de seriedade com Sidrolândia e repudio essa forma ultrapassada de fazer política, que é a tentativa de compra de votos", afirmou.

Manual de instruções - O deputado estadual Carlos Alberto David (sem partido) - que é coronel reformado da PM (Polícia Militar) e ex-comandante da corporação, divulgou durante live realizada ontem a cartilha contra a violência doméstica e o feminicídio criada em 2011. A intenção é orientar os policiais a como agir nesses casos.

SAC - Chamada de Cartilha POP (Procedimento Operacional Padrão), o material detalha método padronizado de atendimento ser usado pelos militares utilizarem durante as ocorrências de violência doméstica. A ideia surgiu após o então comandante receber uma reclamação por telefone de vítima de agressão que não foi bem tratada por um policial

Aplicou - Sob o olhar do secretário municipal de Saúde de Campo Grande, a senadora Simone Tebet foi mais uma a se vacinar contra a covid-19. Ela tem 51 anos e assim pode se imunizar - primeiro passo para que possa assumir a liderança da bancada sul-mato-grossense em Brasília (DF) e ter mais segurança no exercício do cargo.


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário