ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SÁBADO  22    CAMPO GRANDE 30º

Jogo Aberto

Assembleia resolve só agora discutir dignidade menstrual

Adriel Mattos e Gabriela Couto | 15/10/2021 06:00
Lucas de Lima é o autor do projeto que cria o Dia da Dignidade Menstrual. (Foto: Wagner Guimarães/Alems)
Lucas de Lima é o autor do projeto que cria o Dia da Dignidade Menstrual. (Foto: Wagner Guimarães/Alems)

Atrasados - Depois do tema virar discussão nacional, a Assembleia Legislativa vai entrar no debate agora. Começou a tramitar nesta quinta-feira (14), projeto de lei que cria o Dia da Dignidade Menstrual em âmbito estadual, a ser comemorado anualmente em 28 de maio.

Ações - Iniciativa é de autoria do deputado Lucas de Lima (Solidariedade), o texto libera o Governo do Estado de realizar ações de conscientização sobre a menstruação. Recentemente, o presidente Jair Bolsonaro vetou projeto que previa distribuição de absorventes para estudantes mulheres cisgênero e transexuais de baixa renda.

Já virou lei - Em Campo Grande, está sendo regulamentada lei que prevê a entrega do item a estudantes da Rede Municipal de Ensino. O projeto foi idealizado pela vereadora Camila Jara (PT), que acabou vetado. Mas sensibilizado pela parlamentar, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) garantiu a distribuição às alunas.

Apelido - Brincalhão como sempre, depois de projeto que limita a venda de produtos similares a queijo, o deputado estadual Evander Vendramini (PP) soltou novo apelido entre os colegas. “A gente tem o Renato Guavira, agora temos o João Muçarela”, disparou.

Referência - Renato Câmara (MDB) emplacou lei que tornou a guavira fruto símbolo de Mato Grosso do Sul, além de apoiar eventos de produtores da guavira.

Negado - A deputada Mara Caseiro (PSDB) solicitou liberação para realizar evento do Dia dos Dentistas na Assembleia Legislativa, no final de outubro. Mas a Casa de Leis está fechada para eventos até 22 de dezembro. O presidente Paulo Corrêa (PSDB) tentou levar a discussão ao Plenário, mas foi convencido de que era desnecessário e o Palácio Guaicurus segue fechado.

Aos poucos - A Assembleia vem retomando gradualmente as atividades presenciais. As sessões plenárias já vem sendo realizadas em regime híbrido, que será estendido às comissões. Por enquanto, o público ainda não poderá ir ao Parlamento.

Prévias - O PSDB lançou nesta quinta-feira (14), o aplicativo na loja virtual Google Play para os filiados se cadastrarem para as prévias presidenciais. A votação será totalmente online pelo celular. Até o momento, três nomes disputam internamente entre os tucanos: os governadores de São Paulo, João Doria; do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite; e o ex-prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto.

Visita - Uma comitiva do CNJ (Conselho Nacional de Justiça) visitará o TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) em uma inspeção anual, na próxima semana. O grupo será liderado pela corregedora nacional, ministra Maria Thereza de Assis Moura.

Adiado - A correição estava prevista para maio, mas foi adiada devido à pandemia de covid-19. Serão inspecionados os setores administrativos e judiciais de primeiro e segundo graus de jurisdição da corte. Prazos processuais continuam os mesmos.

Nos siga no Google Notícias