A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


04/02/2013 06:00

Cadê o dim dim?

O clima entre os servidores municipais de Campo Grande foi de apreensão no fim de semana. Eles esperavam que o salário fosse depositado no sábado, mas isso não aconteceu. O que não faltou foi colega de trabalho ligando para os outros, para saber se o dinheiro estava na conta. 

Vai mudar?
O temor do funcionalismo é que o prefeito Alcides Bernal decida alterar a data de pagamento, que vinha sendo sempre no segundo dia útil. Quando essa data cai numa segunda-feira, o depósito acontecia no fim de semana, relataram servidores.  Eles temem que a Prefeitura passe a pagar só no prazo legal,  no quinto dia útil.

Expectativa
O presidente do Sindicato dos Servidores, Marcos Tabosa, diz que esse depósito no fim de semana não era rotineiro e por isso era preciso esperar a segunda-feira para saber se o crédito cai na conta hoje. Tabosa disse que esse é o compromisso feito pela Prefeitura com o sindicato, manter a data do pagamento no segundo dia útil.

Fechamento difícil
Servidores questionando quando o salário vai sair não foram poucos em e-mails enviados ao Campo Grande News neste fim de semana. Entre as mensagens enviadas, funcionários que não quiseram se identificar informaram que existe uma dificuldade da Prefeitura na preparação da folha de pagamento, que envolve a falta de quem faça o serviço, que estava a cargo de comissionados em parte dos setores. Como nem todos os comissionados foram substituídos...

O valor dos números
A governadora em exercício Simone Tebet deixou claro no sábado que vai ficar de olho nas pesquisas eleitorais, especialmente no que se refere ao desempenho do ex-prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad na disputa pelo Governo do Estado.

Opção
Caso Nelsinho não consiga entusiarmar o eleitorado, Simone afirma que se coloca à disposição do PMDB como "segundo nome para emergência". 

Pausa nas férias 1
Oficialmente, o governador André Puccinelli está de férias. Mas no sábado ele interrompeu o descanso para relembra algo que fazia muito quando era prefeito: ir a locais de obra conversar com moradores. Dessa vez, foi por causa de um protesto de moradores do Aero Rancho, em Campo Grande, que questionam as ruas que receberam asfaltamento, com dinheiro do Governo e projeto da Prefeitura.

Pausa nas férias 2
Hoje, Puccinelli dá novamente um tempo no descanso, para acompanhar a reabertura do Legislativo. Ele participa da sessão da Assembleia Legislativa, agora com dois novos deputados: Amarildo da Cruz (PT), que substituiu Alcides Bernal, prefeito em Campo Grande, e Lidio Lopes (sem partido), na vaga deixada por Paulo Duarte, prefeito em Corumbá.

Nova configuração?
Com novas caras e o reflexo das eleições municipais, a Assembleia ainda garante maioria a Puccinelli, mas há dúvidas sobre como vai se comportar o PSDB, que foi uma pedra no sapato do PMDB na principal eleição no Estado. Há também, a indefinição sobre Lidio Lopes, que quer permanecer no PP, do qual foi expulso, mas também tem convites de outras legendas, entre elas partidos de oposição.

Nova entidade
Vai ser aberto amanhã em Camo Grande o escritório da Amcham-Brasil (Câmara Americana de Comércio), entidade que existe desde o começo do século passado. Vai ser a décima-terceria unidade no País.

Motivos
O desenvolvimento nos setores de agronegócios, mineração e serviços foi um dos fatores que levou à escolha da entidade por Campo Grande, segundo Fernando Schmitt, diretor de regionais, revelou à imprensa nacional.

Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...
Secretário torce e comemora venda da folha
Torcida - Parecia um jogo valendo título a forma como o secretário de Finanças e Planejamento de Campo Grande, Pedro Pedrossian Neto, acompanhava a a...
Partidos fazem "fila" por Takimoto
Desejado - Na mira do PDT para perder o mandato, o deputado estadual George Takimoto já tem fila de interessados em seu passe na Assembleia Legislati...


eu nao sei pq eles reclaman em receber no 5 dia util se a maioria dos trabalhadores recebem pq vcs tambem nao podem receber
 
erick silva em 04/02/2013 11:49:02
Tenho certeza q tds as pendências vão ser sanadas uma vez q esta cidade tão importante p/ o brasil e c/ a sua nova administração vai td dar tudo certo. abçs a tds os matogrossenses e principalmente ao pessoal desta cidade mais bonita e mais morena do brasil.
 
SEBASTIÃO ALVES DA SILVA COSTA em 04/02/2013 11:06:30
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions