A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 19 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


07/03/2017 06:00

Confusão geográfica leva time a viagem extra de ônibus

Waldemar Gonçalves

GO ou DF? – A Associação Atlética Luziânia, que domingo empatou em 1 a 1 com o Operário pela rodada de abertura da Copa Verde 2017, no Estádio Morenão, em Campo Grande, tem sede na cidade goiana de Luziânia, mas representa o Distrito Federal.

Que viagem – Ocorre que a confusão do time em relação a localização geográfica não acaba por aí. O presidente do clube, Daniel Vasconcelos, comentou que esta não foi a primeira vez da Luziânia em Mato Grosso do Sul. Em 2016 o time viajou ao Estado para jogar contra o Sete de Setembro, em Dourados, pelo Campeonato Brasileiro da Série D.

MS ou MT? – Até aí nada demais. Não fosse o fato de a delegação ter ido parar em Cuiabá e completado a viagem de ônibus até Dourados.

Falha geográfica – É que o responsável pela logística do clube tinha a informação de que a delegação deveria pegar um voo desde Brasília até a capital de Mato Grosso e completar a viagem de ônibus até Dourados. Deu no que deu.

Kms de desvantagens – Em uma conta rápida, somando ida e volta de Cuiabá a Dourados, foram pelo menos 1,4 mil quilômetros a mais do que os 440 se a viagem fosse a partir de Campo Grande. Isto sem contar na diferença no tempo de deslocamento, muito maior de ônibus do que de avião.

Reforma aprovada – O secretário Governo, Eduardo Riedel, ressaltou ontem a expectativa de que a reforma administrativa do Executivo Estadual deixe nesta semana a Assembleia Legislativa rumo à Governadoria, devidamente aprovada, é claro. Atendendo, assim pedido para que o processo tivesse celeridade.

De férias – Mesmo afastado do cargo pela Justiça, o procurador da Câmara Municial André Luiz Scaff está oficialmente de férias. Alvo da Operação Midas, segundo o Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) de ontem (6) o período do benefício do servidor é de 20 de fevereiro a 21 de março.

Advogada – Depois de não ser reeleita e ficar poucos dias em um cargo no Ministério da Cultura, a ex-vereadora Luiza Ribeiro (PPS) voltou a advogar. Está, inclusive, atrás de novos casos. Até postou no Facebook fotos de seu cartão, com telefone e endereço do escritório. “Estamos à disposição”, escreveu.

Reforma tributária – A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) diz entender que, caso as reformas da previdência e trabalhista tenham uma discussão mais longa, o governo pode deixar a tributária para o ano que vem. Seria a forma de ter mais tempo de articulação. A previsão inicial é tocar o assunto no segundo semestre.

Fórum sobre ética – O TCE (Tribunal de Contas do Estado) fará nos dias 4 e 5 de maio a segunda edição do Fórum de Direito, Ética e Combate à Corrupção. Entre os palestrantes estão previstos ministro do TCU (Tribunal de Contas da União) e delegado da Polícia Federal. Quem trabalha nos preparativos do evento é a conselheira Marisa Serrano, diretora da Escola Superior de Controle Externo da corte fiscal.

(com Leonardo Rocha, Paulo Nonato de Souza e Yarima Mecchi)

Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...
"Nem a pau", diz Correa sobre desistir de ação contra JBS
Negativo - “Nem a pau”. Essa foi a reação do presidente da CPI da JBS, Paulo Correa (PR), à cogitação de retirar a ação contra a empresa, para preser...
Bonito quer bombar com shows gringos no Carnaval
Bombando - Empresários estão investindo pesado no Carnaval de Bonito 2018. Além da celebridade internacional Paris Hilton, uma das atrações em negoci...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions