A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


19/02/2015 06:00

De olho na prefeitura, André conversa com dono de jornal

Edivaldo Bitencourt

Na ativa – O ex-governador André Puccinelli (PMDB) continua mais ativo do que nunca na política. Além do périplo por Brasília e da reunião com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), ele também conversou com o presidente regional do PSD e um dos sócios do Correio do Estado, Antônio João Hugo Rodrigues.

Eleições – Segundo Antônio João, o peemedebista fez um convite para andarem juntos nas eleições do próximo ano. Candidato a senador nas eleições de 2012, o empresário terá nova reunião com André amanhã.

Aposentado – O ex-governador André Puccinelli age como candidato, mas destaca que não disputará as próximas eleições. Ele quer fortalecer o PMDB para lançar um nome em condições de vencer a disputa. Estão cotados: Marquinhos Trad (que pode sair), Carlos Marun e Waldemir Moka.

Folião – Pré-candidato a prefeito de Campo Grande pelo PT, o deputado estadual Pedro Kemp descobriu-se um folião de primeira. Participou dos desfiles dos blocos e ficou encantando com a animação.

Descobrindo – Kemp é mais um campo-grandense que está descobrindo a alegria do carnaval de Campo Grande. A Capital já conta com 22 blocos. E a festa já se tornou tradicional na Vila dos Ferroviários.

Batalha – A eleição do presidente da Comissão de Constituição e Justiça deve ser uma batalha entre os aliados do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e Puccinelli. O favorito é o deputado estadual José Carlos Barbosa (PSB), que foi presidente da Sanesul na gestão de André e faz parte da base do tucano no legislativo.

Igreja – A Arquidiocese de Campo Grande vai reforçar a campanha da OAB/MS pela reforma política. O objetivo é mudar o atual sistema para reduzir a corrupção no poder público brasileiro. Agora, a meta é recolher assinatura dos católicos durante as missas.

Mais aberta – O arcebispo metropolitano Dom Dimas Lara Barbosa mostrou-se mais aberto em temas polêmicos na igreja. Durante coletiva, ontem, ele abordou, sem qualquer constrangimento, temas tabus, como aborto, homossexualismo e

Novos partidos – Com o fim do Carnaval, partidos políticos começam a ganhar corpo de olho na sucessão municipal de 2016. O prazo para mudar de sigla vai até setembro, mas a reforma política aprovada a toque de caixa pode mudar o cenário e dificultar a mudança de partido.

Eu mando – Um homem, que se identificou como gerente da Praça do Rádio Clube, mostrou que manda na espaço no grito. Ele não deixou fotografo carregar a máquina no local e ainda gritou que ele era o “gerente dessa porra e ninguém ia carregar nada”.

(colaboraram Aline dos Santos, Juliene Katayama e Marcos Ermínio)

Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions