ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, DOMINGO  25    CAMPO GRANDE 27º

Jogo Aberto

Deputado quer proibir cigarro ao volante

Por . | 17/06/2013 06:05

Trabalhão - Deu dó dos bombeiros ontem, depois do vendaval que derrubou dezenas de árvores em Campo Grande. A equipe passou o dia desinterditando ruas, indo de um canto ao outro da cidade. O problema é que a corporação tem apenas uma motosserra para atender Campo Grande inteira.

Quebradeira - Além disso, o equipamento nem é o indicado para esse tipo de serviço. A motosserra usada pelos bombeiros serve para cortes de árvores em pé. A que serviria para caso de quedas está na oficina, quebrada. Mais um sinal de que a estrutura vai mal, não só em relação a aparelhagem de combate a incêndios.

Espera - O jeito para a população é ter paciência. Ontem, por exemplo, uma árvore caiu por volta das 8 horas na rua João Candelária dos Santos, os moradores acionaram o Corpo de Bombeiros, mas no final da tarde a equipe ainda não havia retirado os galhos que interditaram a via na Mata do Jacinto.

Ressabiado - Depois da chuva, vendaval e estrados de ontem, que atingiram dez bairros de Campo Grande, o prefeito Alcides Bernal começou a acompanhar a previsão do tempo de perto. No final da tarde já anunciava no Facebook que a previsão para semana é chuvosa.

Lembrança - E durante a operação para cortar árvores e liberar ruas de domingo, Bernal encontrou motivo para cutucar o antecessor. "Resolvemos o problema do poste que caiu na Av. Duque de Caxias este não tinha concreto algum como base, absurdo!", reclamou.

Paradeira - Empresários e entidades da Construção Civil reclamam que a prefeitura não está dando a merecida importância ao problema de demora na liberação de alvarás. O documento tem demorado quase 6 meses e pode comprometer, inclusive, as vendas nas lojas de materiais de construção.

Mãos livres - O sul-mato-grossense Marçal Filho serviu de exemplo na imprensa nacional no fim de semana como um dos deputados federais que gostam de inventar projetos de leis polêmicos. Ele quer transformar o fumo ao volante em infração grave de trânsito.

Incansável - Depois de tirar do ar sites de Mato Grosso do Sul, o advogado Eduardo Bottura pediu à Justiça de São Paulo o bloqueio dos domínios do Google, Youtube, Orkut, Bing e Yahoo. O motivo é o mesmo, o descumprimento de decisões judiciais para remoção de notícias e fotos da prisão dele em 2009 aqui em Campo Grande.

Em pauta - Hoje o dia é de CPI da Saúde em Campo Grande. Pela manhã, o conselho gestor do Hospital Universitário vai falar. Já à tarde, a secretária estadual, Beatriz Dobashi será ouvida pela CPI da Assembleia, assim como a reitora da UFMS, Célia Maria.

Reforço - Agora está na internet abaixo-assinado que tenta coletar 10 mil assinatura pelo funcionamento 24 horas das delegacias especializada de atendimento à mulher, criança e adolescente. Para participar, basta acessar o link do Movimento Delegacias 24 horas.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário