A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


11/01/2012 07:00

Guerra de números

Jogo Aberto

Volta às aulas

Há dois anos sem carteira de motorista, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, voltou ontem às aulas no Detran de Brasília, exigência para recuperar a CNH, que perdeu em função do acúmulo de multas por dirigir falando ao celular.

Bola da vez?

E por falar no ministro, com o fim das férias da presidente Dilma Rousseff, retorna à pauta do Palácio do Planalto a reforma ministerial programada para este mês. Nos últimos dias, a Pasta que entrou na mira foi o Ministério das Comunicações. As especulações são de que Paulo Bernardo pode ser remanejado para a direção da Itaipu, por onde já passou a esposa Gleisi Hoffmann, ministra chefe da Casa Civil.

Troca na Guarda

A Guarda Municipal de Campo Grande trocará de comando. No início da semana que vem sai o coronel Paulo Cezar Monteiro Ayres e assume o coronel Luiz Altino. Aparentemente, a mudança é burocrática.

Quebra gêlo

A governadora em exercício, Simone Tebet (PMDB), teve ontem duas reuniões curiosas do ponto de vista geográfico, saudosista, no aspecto administrativo, e estratégico na área política. Ela recebeu a prefeita Márcia Moura (PMDB), afiançando seu compromisso com a cidade natal, e conversou com o prefeito de Corumbá, no extremo Oeste. Acompanhado do deputado Paulo Duarte (PT), Ruiter Cunha pôde dar andamento a questões administrativas. Pela descontração do encontro, revelada nas fotos oficiais, acendeu-se uma luz para aparar arestas políticas.

Desde que a aliança com o PMDB azedou Ruiter vinha evitando pisar da Governadoria. Ontem ele foi escoltado pelo favorito na sucessão em Corumbá, com uma ligeira simpatia do governador André Puccinelli, que já desencatou sobre as chances do PMDB em Corumbá.

Protocolo em família

Depois da audiência à sua sucessora na prefeitura de Três Lagoas, Simone Tebet recebeu o marido, deputado Eduardo Rocha, que foi à Governadoria junto com os deputados Márcio Fernandes (PTdoB) e Lauro David (PSB), muito mais para a afirmação e prestígio à vice no pleno exercício da governança do que para encaminhar reivindicações.

De olho

Os abusos de poder econômico e político, campanha fora de época e outros atos que sugerem transgressão à legislação eleitoral, devem ser denunciados ao Ministério Público, segundo o TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul). Qualquer eleitor pode propor investigação. Mas como é impossível promotores e juízes estarem em todo lugar ao mesmo tempo, o TRE-MS propõe que os partidos políticos, que historicamente travam batalha paralela na Justiça, fiscalizem uns aos outros.

Multa pesada

Desde o dia 2 está proibida a divulgação de pesquisas de intenções de voto sem o devido registro na Justiça Eleitoral. A multa varia de R$ 53.205,00 a R$ 106.410,00.

As pesquisas, mesmo aquelas de consumo interno dos partidos, não podem, segundo a legislação, ser reproduzidas em nenhum meio de comunicação sem o registro das informações na Justiça Eleitoral.

Calejado

E por falar em campanha antecipada, os candidatos a candidato devem tomar cuidado com a adesivagem. Por causa de adesivos o presidente da Câmara, Paulo Siufi (PMDB), foi condenado duas vezes pela Justiça Eleitoral, que considerou a distribuição de adesivos e materiais gráficos com sua logomarca como propaganda extemporânea.

Lutas pela democracia

Será aberta no dia 20, às 9h, na Câmara de Campo Grande, a exposição fotográfica “Direito à Memória e à Verdade – A Ditadura no Brasil/1964-1985″.

A mostra é organizada pelo vereador Marcos Alex (PT), notando a importância de todos terem acesso a fatos que levaram o Brasil ao golpe militar de 1964 e à grande luta da sociedade para resistir à ditadura e retomar o regime democrático. “Será um resgate fundamental para quem aposta na democracia e no seu aperfeiçoamento a partir das lições que o passado nos deixou”, diz o vereador

Federação dos Penitenciários

Foi criada no dia 8 de dezembro a Fenaspen (Federação Sindical Nacional dos Servidores Penitenciários), presidida pelo dirigente da categoria em Mato Grosso do Sul, Fernando Ferreira da Anunciação.

Crise da JBS rouba atenção de Temer
Foco na JBS - No Governo do Estado, a vinda do presidente Temer a Mato Grosso não teve a mobilização típica de visitas anteriores de presidentes. Na ...
Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...



Parabens gov simone e dep Paulo Duarte assim e que se faz política
 
Carlos dias em 11/01/2012 09:18:01
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions