ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEGUNDA  25    CAMPO GRANDE 18º

Jogo Aberto

Mandetta e o plot twist criado pela pandemia

Por Marta Ferreira, Leonardo Rocha e Anahi Zurutuza | 04/04/2020 07:00
Ministro Luiz Henrique Mandetta durante transmissão ao vivo na tarde de ontem (Foto: Reprodução)
Ministro Luiz Henrique Mandetta durante transmissão ao vivo na tarde de ontem (Foto: Reprodução)

Reviravolta – No dia 8 de agosto de 2018, o então deputado Luiz Henrique Mandetta (DEM/MS) anunciou desistência de disputar as eleições, em discurso na Câmara Federal. Decisão lamentada por colegas e recebida com surpresa por outros e ainda como indicativo de que estaria deixando a atividade política. Vinte e sete meses depois, está em todas as manchetes nacionais e aparece, inclusive, com maior aprovação que o presidente.

Dicionário – A mudança de cenário para o ex-presidente da Unimed e ex-secretário de Saúde em Campo Grande pode ser traduzida como um autêntico “plot twist”. Entre os cinéfilos, a expressão é usada para definir aquela mudança brusca no desenrolar de uma história.

2022? - Na internet, não faltam sugestões para que se candidate nas próximas eleições, até mesmo numa chapa com o outro ministro bastante popular, Sérgio Moro (Justiça). Em público, está em evidente xadrez comportamental com o presidente Jair Bolsonaro, sem partido. Quem convive com o ortopedista garante: ele não jogará a toalha.

Oferta – Responsável pelo “Índice de Isolamento Social”, que usa dados de aplicativos de celular para mostrar se a população está atendendo à campanha “fique em casa”, a empresa In Loco disponibilizou a ferramenta para Mato Grosso do Sul de graça, segundo informou à coluna. Fez isso também para menos mais seis estados, Minas Gerais, Santa Catarina, Amazonas, Alagoas, Pará e Paraíba.

O que é – A empresa diz que a tecnologia tem 10 anos de atuação e é usada por grandes clientes como bancos e varejistas. “A partir de uma base de dados com mais de 60 milhões de dispositivos móveis em todo o Brasil, a empresa criou o Índice de Isolamento Social”, diz a divulgação. A informação é obtida de quem autoriza, ao baixar aplicativos, que a localização seja compartilhada.

Pode sair – O sistema é anunciado como inédito, ao permitir o mapeamento da movimentação de pessoas dentro de regiões específicas e medir quais apontam maior distanciamento social, porém respeitando a privacidade de cada usuário. A In Loco garante que não capta dados que identifiquem as pessoas e oferece aos que não querem fazer parte de sua base de dados opções no site e em aplicativo para Androids.

Futuro – Em meio à emergência global de saúde, inúmeras empresas estão oferecendo doações e serviços gratuitamente. Em temos “normais”, as parcerias pro bono, como são chamadas, costumam ter o interesse de apresentar o produto como uma espécie de test-drive para um possível contrato.

Janela partidária - O procurador de Justiça, Sérgio Harfouche, entrou para o Avante, na reta final do prazo de filiações. Depois de disputar vaga no Senado, desta vez a intenção é concorrer a Prefeitura de Campo Grande. O Avante também teve a aquisição do vereador André Salineiro, ex-PSDB, que fará dupla com Jeremias Flores, na Câmara Municipal.

Consultoria - De última hora, durante o ao vivo desta sexta-feira (3), Marquinhos Trad (PSD) criou serviço gratuito de consultoria para as regras do novo decreto municipal que prevê a reabertura do comércio a partir de segunda-feira. Servidora foi convocada e estará à disposição pelo número 4042-1323 para os empresários que não conseguirem se entender com as regras publicadas ontem mesmo no Diário Oficial de Campo Grande.

Mosquitinho - Na live, Marquinhos levou uma chamada de espectador porque passou a mão no rosto. "Desculpa, veio um mosquitinho aqui, mas desculpa vocês estão certos", se desculpou pelo mau exemplo.