A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


19/11/2018 06:00

Mandetta já recebe cobranças como ministro

Marta Ferreira

Quase lá – Dada como certa, a indicação de Luiz Henrique Mandetta para o Ministério da Saúde tem expectativa de anúncio para esta semana. Antes mesmo disso, o hoje deputado federal (DEM/MS) já é tratado, pelo menos nas redes sociais, como titular da pasta, que é considerada uma das mais importantes, diante dos problemas que o País tem em relação à saúde.

Faz isso – Meio que tem sido o mais usado pelo presidente eleito para comunicar-se com os eleitores, as redes sociais de Mandetta estão sendo invadidas por eleitores e suas “propostas” para quando ele assumir o Ministério. Tem elogio, também, mas o principal são sugestões para lidar com os complexos problemas da área.

Prova – Uma dessas ideias é a criação, para os profissionais da Medicina, de um exame tal qual o da OAB, cuja aprovação é condição para bacharéis em Direito atuarem como advogados.

Cubanos – A polêmica do momento, a decisão de Cuba de deixar o programa Mais Médicos, porém, é um dos assuntos mais comentados pelos internautas em suas mensagens a Mandetta.Em geral, o pedido é de sejam criadas condições para profissionais do País assumam as vagas.

Deficiências – Na avaliação de um dos apoiadores de Mandetta, o grande problema é que os municípios do interior não oferecem estrutura mínima para o trabalho dos médicos e por isso muitos não aceitam. A defesa de Mandetta é que os recém-formados assumam essa função.

Rural – Escolhida para comandar o Ministério da Agricultura, a colega de partido de Mandetta Tereza Cristina também não escapa dos pitacos dos internautas. No caso dela, como já está confirmada, quem dá sugestão tem tido resposta.

Vamos analisar – Foi o caso de um internauta que pediu, no Facebook, que o País pare de importar leite. A resposta de Tereza Cristina foi cautelosa. Disse que é preciso analisar os cenários do mercado, para definir as medidas adequadas.

Descontentes – Autoridades que lidam com fiscalização de trânsito em Campo Grande não estão gostando nada das iniciativas vindas do Legislativo que, na visão delas, “passam a mão” na cabeça dos motoristas infratores.

Lista para quê? – Uma dessas iniciativas corre risco de se transformar em lei, caso o prefeito Marquinhos Trad sancione. É o projeto que prevê a divulgação na internet de todos os pontos de radar prestes a voltarem a funcionar na cidade.

 

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions