A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 19 de Julho de 2019


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


30/03/2019 06:00

MPMS investiga 141 telefones cortados em prefeitura

Ângela Kempfer

Tum, tum, tum - A Justiça determinou ao município de Bela Vista que regularize com urgência o telefone fixo dos órgãos de proteção e assistência à infância e juventude. Pela denúncia, nada funciona, nem Casa Lar "Vó Sinhá", nem CAPS ou Conselho Tutelar do município. Isso desde 2013. Sem receber ligações, fica impossível registrar denúncias.

141 linhas cortadas - Quando começaram as investigações do Ministério Público Estadual, os funcionários disseram que não tinham nem telefone móvel, e que o fixo havia sido cortado. Ao MPMS, a companhia telefônica informou que 141 telefones vinculados ao CNPJ da prefeitura foram cancelados por falta de pagamento.

Sem solução - O Ministério Público, então, solicitou à Prefeitura de Bela Vista a regularização dos serviços de telefonia móvel da rede de proteção da Infância e Juventude. Todavia, apesar de ter recebido a solicitação em novembro de 2017, a prefeitura permaneceu inerte, não tendo informado a resolução dos problemas e nem prestado.

Pouco batom - Convidada pelo Portal Uol, ao lado d eoutras 2 parlamentares, a fazer um diário feminino sobre a rotina política em um espaço ocupado a maior parte por homens, a senadora Simone Tebet não economizou na poesia sobre o lugar de "pouco batom". Começou falando de Campo Grande, “meu aeroporto, de onde 'decolo' e onde 'aterrisso' e me abasteço das energias de que necessito para minha viagem política e existencial", comentou.

Peso do acerto - Entre relatos de dezenas de reuniões e entrevistas, sobre o fato de assumir uma das comissões mais importantes do Senado, Simone diz que "por ser a primeira mulher a comandá-la, a responsabilidade é grande. Pesa sobre mim a vontade de acertar".

Azeite e chocolate - Simone diz que o único dia da semana de, certa tranquilida, é o domingo. "Tento compensar o que os 'whats' da semana não conseguem preencher: família, livros, cinema, pipoca, shopping, amigos", e termina falando de três preferências das horas longe da política: "azeite, chocolate e Fernando Pessoa".

Menos fraudes - Os bancos estão comemorando o sistema de pagamento de boletos, conhecido por Nova Plataforma de Cobrança. Segundo levantamento da Febraban (Federação Brasileira de Bancos), os saques de dinheiro em espécie diminuiram em R$ 5,1 bilhões, em seus três primeiros meses de funcionamento. A mudança significou investimento de R$ 500 milhões e outro objetivo é acabar com fraudes equivalente a R$ 450 milhões ao ano. 

S.O.S Bombeiros - O trabalho foi duro, mas os bombeiros de todo o Brasil podem ser recompensados pelas ações de equipe de salvamento em Brumadinho (MG). Em solenidade de homenagens ontem (29), no Senado, alguns parlamentares defenderam regras diferenciadas para a aposentadoria de bombeiros militares.

Presos, ao trabalho - O secretário de Justiça e Segurança Pública, Antônio Carlos Videira, recebeu a visita do Corregedor-Geral de Justiça e do supervisor da Coordenadoria das Varas de Execução Penal para falar de parceiras. Uma delas já é a utilização da mão de obra de presos, que atualmente já envolve 6 mil detentos.

Ponto em juízo - Mas também há novos projetos, como a ampliação do sistema de apresentação biométrica, que serve como um “cartão de ponto” para comprovar que o condenado compareceu em juízo quando deveria. Outra anúncio da Corregedoria é a implantação de núcleo interno de apoio ao combate aos crimes organizado, violentos e a corrupção.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions