A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


13/02/2018 06:00

O Carnaval e a rainha "sem roupa"

Marta Ferreira

Improviso – Trabalhar com o Carnaval em Campo Grande, quando se trata daquele mais tradicional, das escolas de samba, é para abnegados, mesmo. Exemplo disso é que, em plena segunda-feira, a poucas horas da Corte de Momo participar do primeiro dia do desfile das escolas, a rainha, Valdirene, ainda estava à caça de uma roupa para usar.

Prazo curto – Coroada no dia 2 de fevereiro, Valdirene teve 10 dias para providenciar o traje. Como ela decidiu buscar fora de MS, acabou sendo prejudicada pela entrega.

“Presas” – Vindas do Rio de Janeiro e de Porto Alegre (RS), as mercadorias ficaram com os Correios ainda. Uma parte até chegou a Campo Grande, segundo o rastreamento do pacote, estava no centro de distribuição da Capital, fechado em razão dos feriados.

Bloco na rua – O MDB não pretende esperar para retomar a caravana que percorre o Estado a fim de elaborar a cartilha a ser seguida pelos candidatos do partido nas eleições. Na sexta-feira (16) e sábado (17), o partido promete levar medalhões a Naviraí e Nova Andradina. Os convites virtuais para o evento começaram a ser distribuídos ontem por meio de redes sociais.

Sem feriado – Deputado federal e evangélico, Elizeu Dionízio (PSDB) aparentemente não deu bola para o Carnaval. Nesta segunda-feira (12), por exemplo, manteve agenda de trabalho, reunindo-se com agentes comunitários de saúde e de combate a endemias que prometem a ir a Brasília discutir a regulamentação das carreiras.

Resquício – Cenas do trágico acidente no qual o condutor de uma carreta morreu na MS-475, na região de Novo Horizonte do Sul, destacaram, além do caminhão, uma caminhonete vermelha entre escombros da rodovia. Trata-se do veículo que, em 19 de janeiro, sofreu acidente no local –duas pessoas ficaram feridas, mas, felizmente, ninguém morreu.

Não passou – O atacante Rodrigo Grahl, do Operário, gravou seu pedido de música para o Fantástico por ter feito 3 gols no clássico contra o comercial no sábado. Mas quem assistiu o programa não viu o vídeo. Apertado em razão do desfile das escolas de samba, o programa exibiu apenas os gols da rodada.

Folia e festas – O Carnaval não foi só de bloquinho e clubes no fim de semana. O mercado de organização de festas também lucrou com quem aproveitou o “feriadão” bem brasileiro para fazer formaturas, casamentos e aniversários.

(Com Humberto Marques)

Gaeco tem suspeita de vazamento
Desconfiança – O Gaeco (Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado), responsável pela investigação que aponta envolvimento de policiais militare...
DEM e a disputa entre André e Reinaldo
Já escolhi - Sobre a declaração de Puccinelli que estaria "namorando" o DEM, o deputado Zé Teixeira fez brincadeira para dizer de qual lado da disput...
Maioria prefere Lava Jato à Copa do Mundo
Copa? – Pesquisa do Instituto Paraná mostra que, a menos de um mês do Mundial da Rússia, o brasileiro não está muito motivado com o assunto. A consul...
Ex-ministro não errou o “do Sul”, mas...
Gafe - O ex-ministro Henrique Meireles (MDB) em um dos diversos discursos no evento em Campo Grande neste sábado (19) confundiu Mato Grosso do Sul co...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions