A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


30/05/2011 06:00

Armados

Jogo Aberto

O IML esta em reforma há 10 dias, o que complica ainda mais o trabalho para a liberação de corpos em Campo Grande. Agora, a necropsia tem apenas duas mesas emprestadas para a perícia, hoje feita pelo Serviço de Verificação de Óbitos - da prefeitura.

O SVO, que serve para laudos de morte natural, agora concentra também a necropsia de mortes violentas. Com a reforma, a semana passada chegou a ter cinco corpos em espaço de 9 metros quadrados, a espera de analise.

Mato Grosso do Sul foi um dos 11 estados criticados pela Organização das Nações Unidas por ter escolas públicas nos municípios, que impõem o ensino religioso aos alunos. Relatório da ONU para o direito à cultura foi divulgado como forma de alertar sobre ações que vão contra a intenção de frear ataques preconceituosos e racistas.

Enquanto membros da bancada reclamam do trem-bala, por consumir recursos que poderiam ser destinados, por exemplo, a ampliação de ferrovia para escoamento, o deputado federal Edson Giroto saiu em defesa do projeto a ser executado em São Paulo e Rio de Janeiro.

Na avaliação do sul-mato-grossense, a obra vai trazer mais que desenvolvimento na área do turismo, “vai trazer avanços de tecnologia para engenharia brasileira. Com certeza a construção vai ser um grande desafio e a motivação para concretizar empreendimentos arrojados em todo País”, justificou.

A lei anti-fumo completa um ano em junho, mas até agora ninguém foi multado em Campo Grande. Segundo os responsáveis na prefeitura pela fiscalização, o problema é pegar alguém em flagrante, fumando dentro de recintos fechados.

O deputado federal Reinaldo Azambuja assumiu a tesouraria do PSDB Nacional. O comando do partido no País manteve Sérgio Guerra na presidência. Marisa Serrano deixou a vice.

Por meio de um curto debate no microblog Twitter, o senador Waldemir Moka reagiu sobre críticas feitas por um internauta sobre a morte de um assentado. “Você disse que a morte de agricultores deveria pôr na conta dos ruralistas. Desculpe-me, mas fundamentalismo nunca deu certo”, argumentou o peemedebista. “Amigo, não confunda bandidos devastadores de florestas com agricultores, que são homens e mulheres de mãos calejadas”, complementou.

Já o senador Delcídio do Amaral saiu em defesa da presidente Dilma Roussef. “É impressionante a quantidade de "brasileiros" que torcem pelo insucesso do governo. Deixem a Dilma trabalhar!”, bradou.

Em plena campanha do desarmamento (mais uma tentativa por sinal), a Justiça do Trabalho em Mato Grosso do Sul vai na contra-mão e anuncia a venda de 3 revólveres em leilão. São bens penhorados para cobrir dividas trabalhistas, mas pega mal.

Só praças estão presos por cobrar propina
Só praças – A investigação sobre o envolvimento de policiais militares com a “Máfia do Cigarro” indica que, por ora, não há oficiais entre os policia...
Pezão pede dica a Reinaldo sobre dívida
Pedido de ajuda - Ao anunciar ontem o depósito do décimo-terceiro salário dos servidores, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou o discurso d...
Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...
Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...


Ótimo .
Grato pela resposta - caro assessor senattoriano.
Embora sua manifestação fora tímida - não respondendo as questões, ou colocando claramente o posicionamento pessoal de vosso "chefe" quanto ao assunto, devo dizer ou mencionar que embora saibamos das incongruências que o jogo político impõe, algumas posturas são altamente louváveis quando tomadas e/ou defendidas publicamente.
Caso fosse o primeiro "entrevero" do personagem em questão e seu desenrolar, poderia até analisar de outro ângulo.
Ocorre que como me posicionei, foram com essa, 4 "entreveros" e sinceramente já percebo uma certa tendência na vida pública da personagem.
Por isso, como um dos representantes desse estado - novo, pimpolho e talvez imaturamente puro na politicalha, solicito que leve ao seu digníssimo assessorado a nítida e clara posição de que alguns de nós (talvez muitos mais que imagino) estão de olhos bem abertos e ouvidos idem.
Já estamos cansados de tamanha impunidade - e vosso assessorado, embora experiente em questões diplomáticas (jogo de cintura) DEVE-SE atentar que todo o Brasil deseja uma profunda e eficaz reforma nos métodos e formas de governança.
Caso tenha a oportunidade de voltar-se a esse comentário e ler, por gentileza confirme vossa leitura.
Mais uma vez agradeço e solicito que se empenhe em não ser apenas mais um. Mas seja um assessor que ASSESSORE, ou em outras palavras, tenha a coragem de tocar em certos assuntos de delicadeza ímpar, mas que são o posicionamento do povo em determinadas questões.
 
Orlando Lero em 31/05/2011 08:31:37
Caros Nivaldo Silva e Orlando Lero,
Nós, da assessoria do senador Delcídio, lemos sim os comentários e informamos o senador. No caso do Twitter, o senador optou por responder aos questionamentos via DM porque as respostas na TL pública, na maioria das vezes, fica sem contexto para os outros seguidores. Somente não são respondidas as provocações grosseiras ou ofensivas, que normalmente são feitas por anônimos. Estamos a disposição.
 
J. Eduardo Marzagão em 31/05/2011 03:17:12
Nada laico.

Por isso e por outras aberrações é que o nosso país está ficando esta bagunça, onde já se viu dizer que aulas de religião nas escolas e a própria religião em si, torna o ser humano preconceituoso, muito pelo contrário o torna mais humano, mais harmonioso. Agradeço a Deus pelos ensinamentos biblicos. Antes se brigava para te ensino religioso nas escolas, hoje existem aulas nas escolas ensinando a ser homosexual, total contrasenso, uma aberração.
 
Eriobaldo Pimentel em 30/05/2011 09:35:08
Uma "dica" para o Senador Delcídio (Veja item PERSEGUIÇÃO)
Bem que a Dilma poderia começar trabalhando tirando "aproveitadores" do seu governo. Por exemplo: o Palocci (pelo jeito, em pouco tempo será um dos homens mais ricos do Brasil... se em apenas 4 anos já demonstrou ser "mágico" no governo Lula).
 
Nivaldo Silva em 30/05/2011 09:29:06
Olha, eu não sei de onde surgiu a denúncia ou suspeita de que há estabelecimentos descumprindo a lei anti-fumo, mas todos, simplesmente todos os lugares que frequento (bares, shoppings, casas noturnas, etc) se adequaram e não permitem mais fumar em ambientes fechados ou cobertos...
 
Ricardo Vieira em 30/05/2011 08:55:04
Sr. Senador Delcídio, a Presidente Dilma foi eleita pela maioria dos votos dos brasileiros, estamos sim, deixando a Presidente trabalhar, o problema é que ela não quer trabalhar. Até a agora não fez nada que pudesse contribuir para fomentar o progresso de nosso país, ou algo que pudesse de maneira relevante ajudar nosso povo brasileiro, tão carente de serviços essenciais, quais sejam: saúde pública, segurança, educação, lazer, etc. Não obstante, observa-se o aumento da inflação, dos combustíveis, dos impostos e o que é pior da corrupção. Vale lembrar, o Sr. Pallocci, Ministro Chefe da Casa Civil, envolvido em vários escândalos, do "mensalão ao do humilde jardineiro". Ah tá!, a Presidente ao nomeá-lo, não sabia, não lembrava, não viu nada disso.....Isso me faz lembrar de um outro Presidente que também não sabia de nada!
 
marco antonio em 30/05/2011 05:12:38
ENQUANTO ISSO, MUITO DINHEIRO PARA AQUÁRIO. NÃO DÁ PARA ENGOLIR. ATÉ QUANDO O BRASILEIRO VAI ACEITAR ESSES ABUSOS?
 
Lindomar Vilela em 30/05/2011 04:51:42
Nivaldo....
Será que o senador ou alguém da assessoria vai ler ?
Se forem ler, e comunicar ao senador, posso assinar embaixo? Permite?
Mas como qualquer político, o senador também tem uma assessoria que nunca lê, nunca vê, nunca ouve o que o povo fala.
É assim mesmo.
Twittar eles twittan, mas lerem o que recebem nos twitters ou em comentários, isso não o fazem.
E já que depois dessa é capaz de alguém ler, aviso que gostaria de trabalhar nessa empresa do ministro-que-teve-nome-no-lixogate-nome-no-caso-da-caixa-e-nome-no-caso-agora-em-questão.
Prometo cumprir os horários de trabalho.
 
Orlando Lero em 30/05/2011 01:16:04
nada laico

Concordo com o Eriobaldo Pimentel,afinal de contas ensino religioso ensina sobre religião ,ou seja ,uma maneira de nos religar a alguma entidade divina.Creio até que o ensino religioso é fundamental,pois tal ensino permite ao ser humano uma capacidade maior de compreensão ,tornando assim o ser humano,mais humilde,mais abnegado,mais gentil,mais amoroso,o ensino religioso aperfeiçoa o carater das pessoas numa fase tão decisiva, a adolescencia.
 
Reinaldo Costa em 30/05/2011 01:02:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions