A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Outubro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


21/02/2017 06:00

Pisada de bola da Petrobras pode atingir até salários

Waldemar Gonçalves

Todo o gás – Nesta terça-feira (21), em Brasília, o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), reúne-se com o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. Mais uma etapa da campanha iniciada pelo Executivo de MS em busca da recuperação de perdas com o ICMS do gás natural.

Petrobras pisou na bola – Ontem, ao apresentar detalhes da reforma administrativa do Estado, Reinaldo não poupou críticas à Petrobras. O tucano lembrou que não houve o devido cuidado da estatal em, por exemplo, avisar Mato Grosso do Sul sobre a diminuição da compra do gás, que aliás rendeu e ocupou bastante espaço na palestra do governador.

Sem gás para aumento – A ‘crise do gás’ influencia tanto na vida do Governo que do fim dela depende, entre outras coisas, a negociação com os servidores estaduais. A expectativa do Estado é reverter o cenário até maio, quando o funcionalismo quer sentar à mesa para falar de salários. Até lá, não há possibilidade de falar em reajuste.

Contexto administrativo – A reforma administrativa foi anunciada pelo governo ainda durante o período eleitoral de 2016. Ontem, Reinaldo ressaltou que as mudanças propostas nas secretarias, reduzidas de 13 para 10, não foram influenciadas pelas questões políticas, mas baseadas no contexto administrativo de sua gestão.

Social – O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), nomeou ontem o colunista social Dácio Corrêa como assessor-executivo da Secretaria Municipal de Governo e Relações Institucionais. Dácio está como coordenador do centro multiuso "O Picolé". Mesmo a publicação sendo ontem, ela é válida desde 2 de janeiro de 2017.

Aeromovel – Marquinhos esteve reunido ontem com o deputado federal Vander Loubet (PT-MS). O petista apresentou ao prefeito Marcos Bosio, representante de empresa interessada em implantar um aeromovel no sistema municipal de transporte coletivo. É uma espécie de ‘trem’ que trafega em vias elevadas.

Começarmos a pensar – O prefeito foi diplomático sobre a iniciativa, em fase de implantação na gaúcha Canoas. “O trânsito de Campo Grande nunca foi planejado. É necessário que comecemos a pensar em abrir as discussões no sentido de pensar em alternativas viáveis para resolver essa questão, principalmente pela mobilidade urbana”, disse o prefeito.

Mudanças – A dança das cadeiras na Sejusp (Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública) continua. Ontem, foi oficializado o tenente-coronel da PM Adriano Moleto Rampazzo, ex-coordenador-adjunto da Defesa Civil Estadual, como novo superintendente de Planejamento, Projetos e Ações Integradas das Políticas de Segurança Pública da Pasta.

Queda – Rampazzo substituirá o coronel da PM Luiz Carlos Garcia Gomes, exonerado semana passada da função que ocupava desde janeiro de 2015. É mais um comandante da corporação a atingir o limite de cinco anos com a patente mais alta antes da aposentadoria obrigatória.

Trocas – As mudanças internas no comando da PM também continuam. O coronel Valdecir Escalhar assumiu o posto de subcomandante-geral da corporação. Como o novo comandante-geral, coronel Waldir Ribeiro Acosta, ele também foi praça, iniciando a carreira como soldado, em 1987. Estava como chefe do departamento de gestão de pessoas da Polícia Militar.

(com Leonardo Rocha, Rafael Ribeiro e Yarima Mecchi)

Temer oscilou sobre decisão de vir para agenda em MS
Às pressas – A vinda do presidente Michel Temer para Mato Grosso do Sul neste sábado foi confirmada em cima da hora. A coluna apurou que tudo indicav...
Detran de MS avalia adesão a parcelar multa no cartão
Ainda não sabemos – O Detran de Mato Grosso do Sul avalia se vai fazer convênios que permitam parcelamento de multas no cartão de crédito. A autoriza...
Delcídio foi "fantasma" em sessão que manteve Aécio
Lembrado – O ex-senador e ex-petista Delcídio do Amaral está longe do Senado desde maio de 2016, quando foi cassado, mas nesta terça-feira foi bastan...
"Nem a pau", diz Correa sobre desistir de ação contra JBS
Negativo - “Nem a pau”. Essa foi a reação do presidente da CPI da JBS, Paulo Correa (PR), à cogitação de retirar a ação contra a empresa, para preser...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions