A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 20 de Outubro de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


28/03/2014 06:00

Prefeitura publica diário quase no outro dia

Edivaldo Bitencourt

Ajuste – A Assembleia Legislativa vai votar, de novo, a indicação do ex-deputado estadual Youssif Domingos para a Agência Estadual de Regulação. O objetivo é corrigir o tempo, já que o mandato dele vai até 2017. No entanto, o projeto votado anteriormente previa até abril de 2016.

Hipocrisia – O vereador Paulo Pedra (PDT) começou a ver problemas na cidade após o afastamento de Alcides Bernal (PP). “Não gosto desta hipocrisia de que está tudo bem”, frisou o pedetista, que só via maravilhas na gestão do prefeito cassado.

Hora do adeus – Juliana Zorzo (PSC) despediu-se ontem da Câmara Municipal. Apesar de desocupar a cadeira de Herculano Borges, ela não vai ficar desempregada, já que vai assumir a presidência da Fundação Municipal de Cultura.

Esperança – No entanto, Juliana Zorzo sonha, mesmo, é em voltar ao legislativo municipal. Ela fez o discurso de despedido na esperança de que Herculano ganhe uma vaga de deputado estadual em outubro deste ano e lhe ceda, de novo e pelo resto do tempo, a vaga de vereadora. “É melhor um até logo”, disse a vereadora.

Quase não sai – O Diário Oficial de Campo Grande vem sendo publicado com atraso desde a gestão de Alcides Bernal. Antes, a publicação acontecia por volta da hora do almoço. Agora, na gestão de Gilmar Olarte, a publicação é disponibilizada no final da tarde, entre 16h e 18h.

Exemplo – O Diário Oficial do Estado é publicado, impreterivelmente, por volta das 8h da manhã. Tribunal de Justiça e Ministério Público chegam a disponibilizar os atos oficiais no dia anterior à publicação. Até 2012, o Diogrande saia às 8h.

Dificuldade – O PT está com dificuldade de reunir a bancada de três vereadores para discutir se adere ou não à base de Gilmar Olarte. O fato revoltou Ayrton Araújo, que não entende da dificuldade em reunir tão pouca gente logo.

PSC – O prefeito Gilmar Olarte foi convidado para voltar ao PSC, partido pelo qual já exerceu o mandato de vereador. Ele até pode levar mais gente, como o vereador Waldecy Chocolate. Os dois foram alvo de processos de expulsão abertos por determinação de Alcides Bernal.

Felicidade – Cotado para assumir o comando do PP no Estado, o secretário de Meio Ambiente, Cezar Afonso, brincou que “peixe”, símbolo da nova legenda,não gosta de chocolate. O prefeito entrou na brincadeira e destacou que chocolate traz sensação de felicidade.

Senador – O governador André Puccinelli (PMDB) voltou a frisar que não é candidato a senador. No entanto, diante da pressão do partido e aliados, ele vem mantendo uma maratona de eventos para o caso de não ter escapatória e ser obrigado a renunciar ao cargo na próxima semana.

(colaboraram Kleber Clajus e Leonardo Rocha)

Adeus a "Playboy" tem foto de bebida na mesa de bar
Despedida – Tem gosto amargo e dolorido, principalmente para as pessoas próximas, a última foto postada nas redes sociais por Marcel Colombo, conheci...
Campanha, tiro na escola e oportunismo
“Guerra virtual” – Não podia ser diferente. O episódio lamentável em que uma criança de 9 anos entrou armada na sala de aula em Campo Grande e atirou...
Justiça agora pode até cobrar Delcídio
Ainda à espera - A Justiça Eleitoral rejeitou o registro de candidatura de Delcídio Amaral (PTC) ao Senado, depois da derrota nas uras. A juíza Eliza...
Clima de campanha não poupa nem festões
Todo lugar - O clima de campanha, neste segundo turno polarizado, não deixa escapar nem os casamentos. Durante festa no sábado no bufê Murano, na Ave...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions