A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


17/03/2018 07:00

PSDB decide em abril candidato ao Senado

Marta Ferreira

No finzinho - O secretário estadual de Obras, Marcelo Miglioli, disse que o PSDB vai deixar para decidir no fim do prazo, 7 de abril, qual será o seu candidato ao Senado. Além dele, concorrem à vaga o secretário Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica) e o deputado federal Geraldo Resende (PSDB).

Calmo - "O partido vai ter que decidir até dia 7 (abril), que é a data limite para sair do cargo e concorrer nas eleições. Estou tranquilo à espera da definição", disse.

Ponderação - Miglioli comentou que o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) sempre lembra que é importante a preocupação com o governo, já que um dos secretários terá que deixar a pasta. "Sobre esta questão estou preparado para essa nova missão e não haveria problemas na minha pasta, porque as empresas que fazem parte da secretaria têm autonomia, com projetos bem definidos, faltando apenas a parte operacional".

Pensando – O senador Pedro Chaves (PRB) disse que seu partido ainda não definiu quem vai apoiar ao governo estadual e que no momento existem conversas com o PSDB e o PDT. "Estamos avaliando ainda a melhor condição, é o momento de conversar, sem nenhuma situação definida". Ele vai tentar a reeleição no Senado Federal

Não sei - Depois de ter afirmado, em Ponta Porã, durante visita recente, não ter conhecimento aprofundado da greve dos auditores fiscais da Receita Federal, o ministro Carlos Marun admitiu nesta sexta-feira em Campo Grande que sabe pouco ou quase nada do Sisfron.

Vou conhecer - O projeto do Exército para monitoramento das fronteiras se arrasta por falta de dinheiro e nesta semana perdeu mais R$ 60,5 milhões. “Devo visitar o Sisfron nos próximos dias, tenho feito algumas reuniões para ter conhecimento, mas conhecimento específico eu não tenho e prefiro não comentar o assunto”, afirmou o ministro.

Gestionando- Apesar de saber pouco do Sisfron, Marun disse ter expectativa de recuperação dos R$ 60,5 milhões retirados do projeto. “Pode voltar esse e outros”, afirmou se referindo ao recurso cancelado por Michel Temer. Mesmo com o corte, Marun repetiu que cuidar das fronteiras é prioridade do novo Ministério da Segurança Pública.

Antecipando - Ainda é março, mas representantes dos servidores estaduais já querem pressionar o governo do Estado por reajuste, que normalmente é concedido em maio, data-base da categoria. O fórum que reúne as entidades representativas planeja para segunda-feira protocolar documento sobre o assunto na governadoria.

Prazo - A pressa dos sindicalistas têm relação com o ano eleitoral. A lei  estabelece que aumentos só podem ser concedidos seis meses antes da posse dos eleitos na disputa.

Semana decisiva? - A obra empacada do Aquário do Pantanal pode ter uma decisão importante na semana que vem. O governo pretende protocolar no começo da semana na Justiça o termo de acordo prevendo a retomada, com a contratação direta de duas empresas, e vai cruzar os dedos para conseguir o aval do Judiciário. A conferir.

(Com Leonardo Rocha, Kleber Clajus e Mayara Bueno)

 

Justiça agora pode até cobrar Delcídio
Ainda à espera - A Justiça Eleitoral rejeitou o registro de candidatura de Delcídio Amaral (PTC) ao Senado, depois da derrota nas uras. A juíza Eliza...
Clima de campanha não poupa nem festões
Todo lugar - O clima de campanha, neste segundo turno polarizado, não deixa escapar nem os casamentos. Durante festa no sábado no bufê Murano, na Ave...
#FicaTemer: governo vai deixar saudades, avalia Marun
#FicaTemer – A hastag bombou nas redes sociais impulsionada por eleitores que fazem oposição ao candidato à Presidência Jair Bolsonaro, e o ministro ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions