A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Agosto de 2018


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


19/02/2018 06:00

Reforma está acabando com garçons

Ângela Kempfer

Na rua - A reforma trabalhista já começou a prejudicar uma categoria em especial aqui de Campo Grande: os garçons. Até os que dedicaram anos apenas a um restaurante, foram substituídos por diaristas, sem vínculo trabalhista convencional. A mudança ocorreu, inclusive, nas cantinas tradicionais da cidade.

Um troco - Imprensa nacional divulgou horrorizada no fim de semana os salários de diretores do BNDES, uma bagatela de R$ 100 mil. Mal sabem eles que em Mato Grosso do Sul tem juiz recebendo mais de R$ 148 mil e a categoria ainda cobra auxílio transporte de até R$ 6 mil.

Pero no mucho - Uma ironia nessa história é que um dos desembargadores que mais “lucraram” em janeiro deste ano até pouco tempo andava por Campo Grande com veículo que exibia adesivo do Che Guevara.

Disposto – O ex-governador André Puccinelli continua firme na campanha para voltar ao Executivo em 2019. No fim de semana, ele e comitiva passaram por Naviraí, Nova Andradina e Ivinhema, com a desculpa de falar sobre o projeto MS Maior e Melhor, sem pedir votos, porque ainda é proibido neste período pré-eleitoral.

Força tarefa - E a comitiva do MDB é reforçada. Puccinelli percorreu os municípios ao lado dos senadores Waldemir Moka e Simone Tebet, da deputada federal Tereza Cristina, além do deputado estadual Júnior Mochi.

Na chuva - Famílias que vivem em fazendas na zona rural de Paranaíba estão indignadas com mudanças no transporte escolar do município. Agora, os ônibus já não pegam as crianças em casa e, segundo os pais, não há qualquer disposição para melhorar o acesso ao ensino.

A cavalo - Em reunião com a Secretaria de Educação do Município, os pais dizem ter ouvido que não há nada demais em mandar as crianças para a escola a cavalo, desde que tomem cuidado com os raios em dia de chuva. "E raio lá avisa onde vai cair", reclamou mãe indignada em mensagem enviada ao Campo Grande News.

Correndo atrás – Mais um serviço prejudicado pela ascensão do Uber, os mototaxistas decidiram correr atrás do prejuízo e acabaram de passar por um curso de reciclagem, para melhorar o atendimento à população. A categoria também está se mobilizando no sentido de mostrar aos usuários as vantagens e valores das corridas de moto. 

Agora vai? – Nesta semana o presidente Michel Temer deve anunciar a criação de um Ministério da Segurança e a promessa é de que, finalmente, venham ações e, principalmente, recursos para combate ao tráfico de drogas e de armas nas fronteiras de Mato Grosso do Sul com Paraguai e Bolívia.

MS é líder de grana para a celulose
Menina dos olhos – Mato Grosso do Sul segue como o estado com mais previsão de investimentos da indústria da celulose. Projeção da Ibá (Indústria Bra...
Os presos da Lama Asfáltica em números
1 mês – Nesta segunda-feira (19), o ex-governador André Puccinelli (MDB), o filho dele André Puccinelli Júnior e o advogado João Paulo Calves complet...
Rotatória da Coca-Cola e a falta de educação
Boca-suja– O diretor-presidente da Agetran (Agência Municipal de Trânsito), Janine de Lima Bruno, contou nesta semana que mudanças na confluência ent...
MDB teve divisões sobre Mochi candidato
Opinião – O deputado Eduardo Rocha (MDB) admite que a escolha de Junior Mochi para candidato na legenda não teve consenso desde o início, após a desi...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions