A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

02/02/2018 08:21

Balanços suspensos saíram dos jardins e agora são conforto dentro de casa

Thaís Pimenta
Poltrona Bora Bora é uma opção mais sofisticada para ter em casa. Um móvel de marca, assinado, que dura uma vida toda. (Foto: Paulo Francis)Poltrona Bora Bora é uma opção mais sofisticada para ter em casa. Um móvel de marca, assinado, que dura uma vida toda. (Foto: Paulo Francis)

As cadeiras suspensas, ninhos ou balanços são tendência na arquitetura e design. A função ganha um quê a mais por conta da suspenção. É como se uma simples poltrona ganhasse superpoderes, um toque lúdico, o de balançar sem se preocupar com nada mais.

Na verdade, elas nunca deixaram de fazer parte da paisagem, só que antes estavam apenas nas áreas externas, como diz a designer Anapaula Moreira. "Foi a partir da marca italiana Dedeon que os balanços dos antigos quintais ganharam status, assinaturas", comenta ela.

Essa trend tem a ver com a busca por mais qualidade de vida. "As pessoas agora se preocupam com isso. Querem ter um momento de descanso, zen, e esse móvel traz muito disse. É um aninhamento, um ninar, dentro de casa".

Com uma proposta majoritariamente informal, os balanços já são produzidos em materiais diversos. Da corda náutica à lona, ainda mantêm uma aura de produto artesanal, em especial quando incorporam franjas, bordados e rendas. "Ele já combina com o estilo da pessoa. Você pode sim ter um ambiente chique com eles, basta buscá-los em materiais mais selecionados, como o couro. Em ambientes modernos, o acrílico funciona muito bem".

O ninho da Dedon Hanging Lounger. (Foto: Divulgação)O ninho da Dedon "Hanging Lounger". (Foto: Divulgação)

É um resgate da infância, da casa dos avós, só que agora dentro de um apartamento, do quarto, ou até mesmo na mesa de jantar. "Cada um tem um porquê de ter um móvel desses em casa".

Itens de design, assinados por grandes nomes do design, têm modelos que giram em torno de R$ 2 mil até R$ 14 mil e geralmente já incluem o preço da instalação.

Passeando em Campo Grande em busca de exatidão de preços, encontramos a mais barata na loja Casa Design. Por R$ 2.620, o balanço Painho, de Marcelo Rosenbaum, carrega ares mais infantis. Já a poltrona Bora Bora tem estrutura em alumínio e material em corda náutica, assim como o Painho, mas por ser mais sofisticada, com braços e descanço para as costas, passa pra R$ 4.170.

No mesmo espaço, o pêndulo lançamento da Tidelli, assinado por Ruy Otake, parece uma rede firme. A base do suporte gira em 360°, o que torna a experiência ainda mais divertida. Esse modelo custa R$ 8.200.

Já na loja vizinha, Sacarro, o balanço Capadócia, outro lançamento da linha "In Shade", de Roque Frizzo, sai a R$ 14.120. Pra quem pode!

 

Balanço Capadócia é o mais caro que encontramos no mercado da Capital. (Foto: Paulo Francis)Balanço Capadócia é o mais caro que encontramos no mercado da Capital. (Foto: Paulo Francis)
O pêndulo da Tidelli vai bem em ambiente um pouco maiores. (Foto: Paulo Francis)O pêndulo da Tidelli vai bem em ambiente um pouco maiores. (Foto: Paulo Francis)

Anapaula conta ainda que, muitas vezes, as pessoas gostam tanto do objeto que todo o ambiente é pensado a partir dele. Na hora de montar o cômodo, é legal levar em consideração as proporções das cadeiras. "A gente pode tudo, mas é importante não colocar um pêndulo muito grande em uma sala pequena, por exemplo. Basta adaptar o modelo", diz.

Os ninhos suspensos mais artesanais trazem características rudimentares, rústicas, até mesmo indígenas, ao espaço. "Inclusive eles lembram e têm origens nos indígenas aericanos, onde eram feitos de cipós. É uma forma de homenagear essa cultura popular", completa. Os mais artesanais costumam sair bem mais em conta, até, no máximo, R$ 800.

É possível montá-los com um tripé, uma base fixa no chão, ou no teto. "A base suspensa precisa ser rígida por vai aguentar o peso do móvel e da pessoa. É preciso instalar em uma lage ou uma viga, por exemplo", finaliza.

Além dos modelos mais simples, marcas também oferecem verdadeiras camas de descanço em forma de balanço. Confira a seleção de modelos e ambientes:


Curta o Lado B no Facebook e no Instagram.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.