ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUINTA  23    CAMPO GRANDE 25º

Arquitetura

Contêiner que foi “geladeira” vira casa para quem busca paz e natureza

Hoje, a residência é mais do que um refúgio para o casal

Por Thailla Torres | 15/01/2024 06:51
A ideia de construir uma casa contêiner já fazia parte dos planos do casal em Campo Grande.
A ideia de construir uma casa contêiner já fazia parte dos planos do casal em Campo Grande.

Flávia Machado, engenheira agrônoma, e Leonardo de França, fotógrafo, decidiram transformar um antigo contêiner refrigerado em uma casa minimalista e sustentável, localizada em Camisão, a 130 quilômetros de Campo Grande. Hoje, a residência é mais do que um refúgio para o casal.

A ideia de construir uma casa contêiner já fazia parte dos planos do casal em Campo Grande. Quando a oportunidade de adquirir um terreno em Camisão surgiu, eles não hesitaram, escolhendo uma região familiar, cercada por paisagens deslumbrantes e marcada por um estilo de vida tranquilo.

"Sempre nos motivou a ideia de sustentabilidade, obra seca, sem detritos ou sujeira, velocidade de execução e economia", compartilhou Flávia. "O contêiner foi a solução para essa questão, e ainda tem o fato de que acreditamos em um estilo de vida minimalista."

O processo de construção foi ágil, levando apenas três meses para transformar o contêiner refrigerado em uma residência
O processo de construção foi ágil, levando apenas três meses para transformar o contêiner refrigerado em uma residência

Construção rápida e confortável

O processo de construção foi ágil, levando apenas três meses para transformar o contêiner refrigerado em uma residência com dois quartos, banheiro e uma sala integrada com a cozinha. O transporte e instalação atrasaram devido às chuvas da região, mas uma vez finalizado, o casal se dedicou aos detalhes, decoração e móveis.

"Nosso contêiner já possuía isolamento térmico, pois antes ele era uma grande 'geladeira'. Para enfrentar o calor da região, instalamos dois ares-condicionados para climatizar o interior", explicou Flávia.

Uma característica única da casa é o deck de madeira instalado na parte superior
Uma característica única da casa é o deck de madeira instalado na parte superior
Deck proporciona uma visão deslumbrante do Morro Azul e do rio Aquidauana
Deck proporciona uma visão deslumbrante do Morro Azul e do rio Aquidauana

Mirante com vista privilegiada

Uma característica única da casa é o deck de madeira instalado na parte superior, proporcionando uma visão deslumbrante do Morro Azul e do rio Aquidauana. "O pôr do sol lá de cima é imperdível, um show da natureza", afirmou Flávia.

Inicialmente planejada como um refúgio particular, a casa acabou se tornando um ponto de hospedagem, chamada de Casa Container Camisão, devido ao potencial turístico da região. Com trilhas, rapel e rafting nas proximidades, a região atrai apaixonados por natureza e aventureiros.

"A região está se tornando rapidamente um polo de turismo de contemplação, aventura e gastronomia", revelou Flávia. As mudanças no projeto original, que previa apenas um quarto, foram realizadas para atender à demanda crescente.

A casa pode acomodar confortavelmente até quatro pessoas, com uma diária de R$ 150 por pessoa. Iniciando as locações em dezembro de 2023, o casal relata um retorno positivo daqueles que já tiveram a experiência de se hospedar no refúgio sustentável.

Para se hospedar no local, o contato é pelo Instagram.

Confira a galeria de imagens:

  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para entrar na lista VIP do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias