A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

24/06/2019 06:49

O “Rei da Pornochanchada” hoje tem cinema particular no meio do mato

David Cardoso abriu as portas de sua propriedade, em Palmeiras, onde passa os fins de semana recluso na natureza

Thailla Torres
Mirante no meio da mata será novo espaço de descanso do ator. (Foto: Paulo Francis)Mirante no meio da mata será novo espaço de descanso do ator. (Foto: Paulo Francis)

Aos 73 anos, David Cardoso não tem fazenda, não tem avião e os 54 imóveis que mantém em Campo Grande e Terenos dão a maior dor de cabeça no dia a dia, mas a essa altura do campeonato o eterno “Rei da Pornochanchada” jura que não queria mais. Leva uma vida simples morando  no interior e vive recluso aos fins de semana no meio do mato com direito a cinema particular.

David mora em Terenos e mantém uma propriedade de 2 hectares em Palmeiras – distrito de Dois Irmãos do Buriti, a 80 quilômetros de Campo Grande. Numa casa simples e rústica no meio da mata, o ator se embrenha aos sábados e domingos para respirar o que ele chama de paixão: a natureza. “Isso daqui é tudo pra mim. Eu não sou rico, muita gente acha que eu sou rico porque tenho 54 propriedades, mas ninguém sabe o trabalho que dá manter isso tudo. Minha paz verdadeira está nesse lugar. Se eu ficar sozinho uma semana aqui, não me sinto só”, diz.

 

Estrada que leva ao recanto de David Cardoso na mata fechada. (Foto: Paulo Francis)Estrada que leva ao recanto de David Cardoso na mata fechada. (Foto: Paulo Francis)
Lugar é totalmente preservado. (Foto: Paulo Francis)Lugar é totalmente preservado. (Foto: Paulo Francis)
Ele também desfruta da paisagem na beira do Rio Aquidauana. (Foto: Paulo Francis)Ele também desfruta da paisagem na beira do Rio Aquidauana. (Foto: Paulo Francis)

Não marcamos horário com David, mas bastaram algumas palmas e um pedido para conhecer a propriedade para a equipe ser recebida pelo setentão de bermuda e pronto para o almoço. “Entrem, fiquem à vontade. Vou terminar o meu almoço e volto para fazermos um tour pela chácara”.

Enquanto comia um marmitex com três funcionários, foi possível passear pela casa com uma cozinha, suíte, academia e uma enorme área social com bar e mesa de sinuca. Sem nada de luxo e muita poeira, David revela que quase não aparece durante a semana, mas o lugar já foi palco de muita festa e sessões de cinema nos últimos 25 anos.

Do lado de fora, um anexo foi transformado em sala de cinema que ganhou nome de “Alhambra III” com retroprojetor, telão e cadeiras da década 60. “A gente coloca uma pipoca, uns salgadinhos e fica assistindo filme. E também bebemos uísque e cervejinha”. Entre as exibições rolam clássicos do cinema e filmes autorais.

Fotografias antigas estão espalhadas por quase toda casa. (Foto: Paulo Francis)Fotografias antigas estão espalhadas por quase toda casa. (Foto: Paulo Francis)
Cinema particular recebe sessões regadas a pipoca e uísque. (Foto: Paulo Francis)Cinema particular recebe sessões regadas a pipoca e uísque. (Foto: Paulo Francis)

Na parede, milhares de fotos com artistas e também cartazes de David com atrizes que estrearam ao seu lado no período da pornochanchada. Em outro ambiente, o ator revela um museu “abandonado” com relíquias empoeiradas e filmes deteriorados. “Aqui estão coisas que eu vou jogando aqui porque não tem onde ficar. Olha o estado desse filme, isso precisava ficar a oito graus, mas não tenho tempo para cuidar. As pessoas me perguntam por que eu não guardo isso com mais carinho, mas pra eu ver? Não. Eu vou morrer e ninguém vai querer saber de nada”.

David diz que até tentou oferecer o acervo, mas ninguém teve interesse. “Eu ofereci para todo mundo, mas ninguém quis. Isso daqui precisa de dinheiro, e cultura não dá dinheiro, por isso, o cara não quer saber”.

Na sala ainda estão cartazes dos filmes pornográficos, coleção de fotos, rolos de filmes, coladeiras de filmes, certificados de censuras, discos de vinil, máquina de datilografia e outros objetos antigos. “Veja esse filme, isso daqui é um trailer, mas ele precisa passar por uma revisão e a lata precisa ser trocada”, diz mostrando o objeto sujo e empoeirado.

Filmes antigos e deteriorados fazem parte do acervo dentro de um dos quartos do sítio. (Foto: Paulo Francis)Filmes antigos e deteriorados fazem parte do acervo dentro de um dos quartos do sítio. (Foto: Paulo Francis)
Lugar está cheio de relíquias, mas sem nenhum cuidado e bastante empoeirados. (Foto: Paulo Francis)Lugar está cheio de relíquias, mas sem nenhum cuidado e bastante empoeirados. (Foto: Paulo Francis)
Com arquitetura simples e rústica, casa no meio do mato é o lugar preferido de David. (Foto: Paulo Francis)Com arquitetura simples e rústica, casa no meio do mato é o lugar preferido de David. (Foto: Paulo Francis)

Em outro canto, num espaço de aproximadamente 4 metros quadrados, David fez uma adega. “Só cabe eu aqui dentro, mas, é rústica do jeito que eu queria, para manter os vinhos em temperatura agradável”, mostra.

Ainda mais próximo da mata, ele se orgulha de mostrar o novo projeto. Uma casa de madeira suspensa ao lado das árvores. A escada longa e estreita leva ao ambiente que em breve será um cantinho para descanso. “Aqui, daqui uns dias, quero colocar meu chamamé, tomar meu uísque e curtir à vontade”.


Mas é na beira do rio Aquidauana que ele diz que passa boa parte do tempo. “Nunca desci com o barco, mas gosto dessa vista, de aproveitar esse espaço. Todas essas árvores em volta foram plantadas por mim e não dou autorização para ninguém cortar um galho, nem as folhas eu tiro muito”.

David diz que o recanto é ferramenta para manter a saúde já que hoje toma sete comprimidos por dia para tratar a ansiedade e a insônia. “Sou um cara que durmo só cinco horas por noite. Durmo cedo e levanto cedo. Tomo meus remedinhos pra controlar a ansiedade, outro para cartilagem e outro para eu apagar à noite. Tudo isso porque sou um homem que quero fazer tudo ao mesmo tempo”, finaliza.

Confira galeria de fotos antigas do ator.

Curta o Lado B no Facebook e Instagram.


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.