A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 22 de Setembro de 2018

13/04/2018 07:33

Em Campo Grande, La Casa de Papel fica no Jacy, ao menos é o que aponta o Google

Na brincadeira com a série da Netflix, os amigos de Igor Melo, dono da casa, burlaram o Google

Thaís Pimenta
Cena do seriado de ação espanhol da Netflix, sobre assalto a Casa da Moeda da Espanha. (Foto: Divulgação)Cena do seriado de ação espanhol da Netflix, sobre assalto a Casa da Moeda da Espanha. (Foto: Divulgação)

Se você digitar no barra de pesquisas do Google a frase "La Casa de Papel, CG, MS", vai encontrar um endereço na Vila Jacy, em Campo Grande. Curiosa em busca de saber a história do espaço, com o mesmo nome da famosa série que acaba de estrear a segunda temporada na Netflix, a equipe do Lado B foi até o endereço, claro. 

A dificuldade em encontrar começou porque a imagem do mapa nada tem a ver com o imóvel que hoje está na mesma numeração, na Rua Guatemala. No lugar da casinha antiga, azul, de madeira, apontada no mapa do Google, encontramos um imóvel novinho, de alvenaria.

Batemos no portão e explicamos a história ao morador, Igor Melo, de 38 anos, que logo de cara nos disse. "Sim, eu sei o que é La Casa de Papel, já vi até a segunda temporada inteira no fim de semana".

Depois de muito matutar sobre como sua casa foi batizada na internet com o nome da série, a ficha caiu. "A gente construiu aqui e só nos mudamos em janeiro, então só pode ter sido meus amigos, porque eles me indicaram a série para eu assistir, dizendo que era boa, e eu realmente gostei muito, fiquei até viciado nela. Vi tudo sozinho porque estou com filho pequeno e ele se assusta com barulhos", completa.

Igor ficou surpreso com a nossa chegada. (Foto: Paulo Francis)Igor ficou surpreso com a nossa chegada. (Foto: Paulo Francis)

Sem parecer se importar com a zoeira, Igor cai na risada e até tira uma foto com a nossa equipe para mandar para os colegas. "Pra vocês verem, eu comecei a segunda temporada no domingo agora, às 9h, e terminei inteira às 16h", completa ele.

Para Igor, a personagem mais bacana de toda a trama é Tóquio, a protagonista do seriado do streaming Netflix. 

Na primeira temporada, a trama apresenta oito ladrões com habilidades distintas que se trancam na Casa da Moeda da Espanha com o ambicioso plano de realizar o maior roubo da história e levar com eles mais de 2 bilhões de euros. Para isso, a gangue precisa lidar com as dezenas de pessoas que manteve como refém, além dos agentes da força de elite da polícia, que farão de tudo para que a investida dos criminosos fracasse. 

Já a segunda temporada, que estreou no dia 6 de abril, continua acompanhando o ambicioso roubo do lado de fora. Mas, a medida que o tempo passa, as emoções de assaltantes, policiais e reféns chega ao limite e decisões cada vez mais extremas são tomadas. O bizarro relacionamento criado entre Professor (Álvaro Morte) e a detetive Raquel (Itziar Ituño) não ajuda a situação e bandido acaba virando mocinho na história.

E você? Tem alguma história maluca envolvendo a série ou qualquer outra trama do cinema? Conta pra gente!

Curta o Lado B no Facebook  e no Instagram.

Como aparecia até ontem no mapa do Google o endereço em Campo Grande.Como aparecia até ontem no mapa do Google o endereço em Campo Grande.
La Casa de Papel, que de referência à série não tem nada, só mesmo a zoeira dos amigos. (Foto: Paulo Francis)La Casa de Papel, que de referência à série não tem nada, só mesmo a zoeira dos amigos. (Foto: Paulo Francis)


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.