A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

03/04/2018 08:15

Em festa black tie com Despacito, Rodrigo e Carlos dizem sim depois de 8 anos

Thaís Pimenta
Rodrigo e Carlos Braga mudaram de figurino por duas vezes durante a festa. (foto: Anderson Oliveira)Rodrigo e Carlos Braga mudaram de figurino por duas vezes durante a festa. (foto: Anderson Oliveira)

Rodrigo Marques e Carlos Braga assinaram uma união estável em 2010, mas a festa de casamento, tão sonhada pelos dois, veio só no fim de semana, oito anos depois de decidirem ficar juntos. “O número oito é muito simbólico pra mim, representa o infinito e é isso que levamos em consideração na hora de bolar a festa, essa representatividade envolta no numeral”, diz Rodrigo.

E o festão foi à altura do desejo do maquiador e do cabeleireiro, com black tie, orquestra, super decoração e convidados chegando de limousine. Teve até troca de looks.

“Todos os nossos convidados entraram na onda, estavam belíssimos, vestidos à altura da festa. Meus amigos de São Paulo vieram, foi emocionante demais, estar com todo mundo vibrando a mesma energia, com a nossa família também, todos sentindo o amor entre nós”.

O smoking branco foi o primeiro look usado pelo casal. (foto: Anderson Oliveira)O smoking branco foi o primeiro look usado pelo casal. (foto: Anderson Oliveira)

Pelo andar da super festa, deu trabalho planejar tantos detalhes. Para oficializar o sim, Rodrigo e Carlos entraram de smokings preto e branco, para combinar com a dama de honra Zara, a cadelinha do casal, uma lhasa apso toda branca. “O nome dela significa luz da minha vida”, completa Rodrigo.

Os 300 convidados brindaram ao amor do casal com um drink exclusivo feito só para a cerimônia. A elegância da festa era uma vontade incontestável de Rodrigo e Carlos. “Se não fosse pra ser assim, nem precisava ter festa. Teve convidado nosso que chegou de limousine, achamos um barato, nem a gente chegou nesse nível”, brincam.

O valor gasto não foi divulgado pelos pombinhos, porém, Carlos adianta que a festona "foi feita por grandes amigos parceiros que nos presentearam com muitas coisas. Acho um pouco deselegante falar de gastos pois sonhos não tem preço, não é verdade?".

Os noivos trocaram alianças e dançaram uma versão orquestrada do hit Despacito junto às bailarinas da Escola de Dança Beatriz de Almeida. “Ensaiamos por cerca de um mês antes da grande noite”, lembra Rodrigo.

Depois da cerimônia, o visual para cair na pista, claro, tinha que mudar para algo mais apropriado: um smoking com paetê, estilo disco. "Pra dar o start pra festa mesmo", confirma.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram.


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.