A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

24/09/2017 08:18

Na hora de decidir local de ensaio fotográfico, casal resgata origens orientais

Mariana Lopes
Decoração do Bon Odori serviu de cenário para sessão de fotos (Foto: Imais Fotografia)Decoração do Bon Odori serviu de cenário para sessão de fotos (Foto: Imais Fotografia)

Resgatando as raízes orientais, aos 30 anos de idade Brunna Mary Okubo realizou um sonho antigo, o de se vestir de gueixa. A inspiração veio para o ensaio fotográfio de pré-casamento, quando ela e o noivo, Victor Hugo Tokikawa, combinaram que o momento poderia ser ainda mais especial e cheio de significados.

"Vimos um ensaio parecido no Instagram e, a partir disso, pensamos que também poderíamos homenagear a nossa cultura", explica Brunna.

No final de agosto, os cenários estavam escolhidos e reservados. Foram duas locações que traduziam os laços campo-grandenses com a cultura oriental, já que a Capital tem uma das maiores colônias japonesas do Brasil.

A primeira sessão de fotos foi feita na Associação Nipônica, na época que estava sendo relizado o Bon Odori, evento tradicional e que já faz parte do calendário da cidade. A ideia era aproveitar a decoração da festa para dar o efeito desejado nas fotos, que era ressaltar a cultura nipônica

 

Cenário que representa as raizes dos dois (Foto: Imais Fotografia)Cenário que representa as raizes dos dois (Foto: Imais Fotografia)
Cenários andam de mãos dadas com a forte presença da natureza e o contraste da vestimenta oriental (Foto: Imais Fotografia)Cenários andam de mãos dadas com a forte presença da natureza e o contraste da vestimenta oriental (Foto: Imais Fotografia)

O segundo ensaio foi realizado na Fazenda Piana, em meio à natura, o que representa muito bem os ares de Campo Grande. Lá, Brunna e Victor Hugo também estavam vestidos a caráter. Enquanto ela vestia o kimono de gueixa, e ele hapi, que é a vestimenta masculina.

Como tudo logo vai parar nas redes sociais, com o ensaio fotográfico dos dois não foi diferente. Assim que as fotos ganharam as primeiras curtidas, a publicação começou a gerar exatamente o que o casal queria: despertar interesse nas pessoas. 

"Em Campo Grande, o número de orientais cresce cada vez mais, e é legal ver tanta gente interessada na nossa cultura, que procuram saber a história" conta Brunna.  

O casal se conheceu há 3 anos, através de amigos em comum que os apresentou. Foram dois anos de namoro e mais um ano de noivado. E no último dia 15, os dois subiram ao altar para as juras eternas de amor.

 

Em meio a natureza, casal também resgata cultura nipônica (Foto: Imais Fotografia)Em meio a natureza, casal também resgata cultura nipônica (Foto: Imais Fotografia)


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.