A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

08/04/2017 07:25

Tem golpe rolando na rede, mas nada mobilizou tanto quanto uma viagem a Londrina

Ângela Kempfer
Tem golpe rolando na rede, mas nada mobilizou tanto quanto uma viagem a Londrina

1. Uma louca viagem até Londrina.

Surreal define. Na madrugada de domingo passado, o estudante Lucas Alexandre Corrêa Cruz, de 21 anos, resolveu pegar um táxi e foi parar em Londrina, no Paraná. O preço da loucura? R$ 1,5 mil reais pela corrida.

É claro que o assunto foi o mais comentado da semana nas redes sociais, com uma reação online de 5,5 mil likes e mais de 600 mil pessoas alcançadas.

No portal, foram mais de 700 mil leituras da história do cara que bebeu demais e foi apagar as magoas de uma desilusão amorosa bem longe daqui, no colo da avó. Depois do "sucesso", Lucas disse que estava arrependido por ter preocupado os pais. 

 

Tem golpe rolando na rede, mas nada mobilizou tanto quanto uma viagem a Londrina

2. O adeus de Renata, depois de dar à luz a Yago

Desde o dia 31 de janeiro, Renata Souza Sodré era mantida viva para gerar o filho. O menino nasceu no sábado (1), um caso inédito no MS que comoveu muita gente.

Com a morte encefálica da mãe, depois de um AVC aos 22 anos, o nascimento do bebê foi uma aposta de alto risco. Ela resistiu e o bebê nasceu aos 7 meses, saudável.

O assunto foi o segundo mais comentado da semana nas redes sociais, com uma reação online de 4,4 mil likes no Facebook.

Tem golpe rolando na rede, mas nada mobilizou tanto quanto uma viagem a Londrina

3. Adolescentes desaparecidas, de novo 

O terceiro assunto mais comentado da semana trata-se de mais um caso em que adolescente simplesmente desaparece e deixa os pais e familiares à beira da loucura.

Foi o caso de Camilly Vitória Pires Lopes, 14 anos, que simplesmente saiu para ir à escola e não voltou.

Ela acabou aparecendo, mas choveu comentários no Face condenando a atitude da menina. A reação online foi de 1,4 mil likes e 1,4 mil compartilhamentos.

Tem golpe rolando na rede, mas nada mobilizou tanto quanto uma viagem a Londrina

4. Tarado de carro que aterroriza mulheres ataca novamente

Esta semana o assunto do tarado de carro, que persegue mulheres na região central de Campo Grande, voltou à mídia.

Segundo mais um Boletim de Ocorrência, ele apareceu praticando atos obscenos dentro do carro, um Ford Ka prata.

O assunto já virou lenda urbana e rendeu. A reação online foi de 1,5 mil likes e quase 500 compartilhamentos.

Tem golpe rolando na rede, mas nada mobilizou tanto quanto uma viagem a Londrina

5. Kopenhagen é usada para atrair vítimas

Mais de 300 mil brasileiros tentaram acessar – somente nas últimas 24 horas – um golpe no WhatsApp que oferece ovos de Páscoa gratuitos.

A contagem foi divulgada pela empresa de segurança PSafe, que alerta para os riscos que o internautas correm ao abrir os links que prometem brindes da rede de lojas Kopenhagen.

Os responsáveis pelo golpe repetem as mesmas artimanhas e a galera continua caindo. Neste caso, a vítima é levada para uma página com três perguntas sobre a Kopenhagen.

Na sequência, é incentivada a compartilhar o link do cupom com dez amigos. O passo seguinte é chegar a um site malicioso que oferece assinaturas de serviços pagos de telefonia. Fiquem atentos, pessoal. Não abram o link.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.