ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUARTA  03    CAMPO GRANDE 18º

Consumo

Buquês trazem ar de festa para quem teve de cancelar evento

Na onda de eventos remarcados, decoradora tem feito buquês para trazer ar de festa à datas que passariam em branco

Por Paula Maciulevicius Brasil | 02/05/2020 10:13
Duanne e um buquê feito com flor de alcachofra como flor principal. (Foto: Arquivo Pessoal)
Duanne e um buquê feito com flor de alcachofra como flor principal. (Foto: Arquivo Pessoal)

Conhecida pela decoração em casamentos, a arquiteta de festas, como se apresenta Duanne Moreira, tem feito buquês para que o dia da noiva ou até das mães mesmo não passe em branco em tempos de isolamento social.

Seguindo o que chama de "movimento das flores", Duanne explica que seus buquês não são do estilo redondo ou "socadinho", e que costuma usar flores não tão comuns. Se baseando em referências trazidas pela clientela que ela cria um arranjo para o dia tão especial.

"As flores têm uma leveza, um desenho e movimento próprio. Gosto bastante de misturar as cores, e agora com a quarentena, de termos de ficar longe, surgiu essa ideia de presentear com flores", comenta.

Muito além das rosas, Duanne tem apresentado a ideia de um buquê para aniversários, Dia das Mães ou a data marcada para o casamento, que teve de ser adiado. "No dia que a noiva ia casar, por exemplo, ela pode encomendar um arranjo ou buquê. Uma data tão sonhada não pode passar em branco assim. Flores, além de alegrar, traz vida para a casa, carinho e amor. A pessoa que recebe se sente querida, e é um novo jeito de demonstrar que a pessoa está perto, mesmo de longe", acredita.

Nos buquês, Duanne cria um mix de, no mínimo, seis flores. As que mais aparecem entre as queridinhas são alstromélia, cravínea, rosa spray, sementes e folhagens como flores de base. "A cravínea dá um ar porque ela espirra bastante, também uso folhagens que seria de mini eucalipto, e alguma outra diferente. Uso sementes, não específica, mas a que tiver no mercado", fala. Para incrementar, a arquiteta costuma escolher flores mais elegantes como calla, orquídea, cúrcuma, gloriosa ou tulipa, a depender da estação.

Buquê com orquídea cymbidium, semente, perpétua branca, rosa spray laranja, orquídea chuva de ouro, gloriosa, eucalipto, flor de dracena pink, chuva de prata. (Foto: Arquivo Pessoal)
Buquê com orquídea cymbidium, semente, perpétua branca, rosa spray laranja, orquídea chuva de ouro, gloriosa, eucalipto, flor de dracena pink, chuva de prata. (Foto: Arquivo Pessoal)
Hortensia branca, eucalipto, dedinho laranja, alstromelia pink. (Foto: Arquivo Pessoal)
Hortensia branca, eucalipto, dedinho laranja, alstromelia pink. (Foto: Arquivo Pessoal)

A durabilidade depende da flor, as de base geralmente duram mais e a recomendação é de deixar o buquê em ambiente fresco, e trocar a água do vaso todo dia, por uma gelada.

Em datas comemorativas, Duanne reforça que fugir da rosa é melhor. "É a época mais cara pela procura ser muito alta. Então, eu fugiria da rosa para economizar, porque o valor dela fica lá em cima.

O valor médio de um buquê começa a partir de R$ 180,00. Para saber mais, veja o Instagram de Duanne.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.


Confira a Galeria de Imagens: