ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, DOMINGO  20    CAMPO GRANDE 19º

Consumo

De bocaiuva ao buriti, professora cria sabonetes com frutos do Cerrado

Christianne é formada em Química e aposta na produção de cosméticos artesanais para mudar de vida e cuidar da pele e do planeta

Por Alana Portela | 12/08/2020 08:15
Christianne Cristaldo expondo os cosméticos naturais que produz durante uma feira ao ar livre, antes da pandemia. (Foto: Arquivo pessoal)
Christianne Cristaldo expondo os cosméticos naturais que produz durante uma feira ao ar livre, antes da pandemia. (Foto: Arquivo pessoal)

Os frutos do Cerrado encontrados em Mato Grosso do Sul se transformam em cosméticos naturais nas mãos da professora Christianne Cristaldo. Formada em Química, ela aposta na produção artesanal para mudar de vida e até criou uma linha de sabonetes usando bocaiúva e buriti, por exemplo.

“Os frutos são ricos em vitamina E e A. São bons para a pele, cabelo e super hidratantes. O cabelo e a pele nessa época do inverno agradecem o uso, pois contém substância de renovam e hidratam”, explica Christianne.

Aos 41 anos, ela relata que iniciou a produção porque decidiu optar por uma qualidade de vida mais sustentável. “Quis deixar de ser refém do comércio e isso também envolve a postura de querer ser melhor, construir algo melhor para a sociedade”.

Os sabonetes ganham formato de coração e tem de bocaiuva na cor alaranjada, camomila na cor amarelo claro, juá na cor marrom e alecrim ao centro. (Foto: Arquivo pessoal)
Os sabonetes ganham formato de coração e tem de bocaiuva na cor alaranjada, camomila na cor amarelo claro, juá na cor marrom e alecrim ao centro. (Foto: Arquivo pessoal)

Há quatro anos, a Christianne aprendeu a produzir os sabonetes e aos poucos foi aperfeiçoando as habilidades. A formação também contribui para o bom desempenho das produções, já que entende como funciona as substâncias e seus benefícios.

Começou produzindo sabonetes naturais, depois passou a fazer desodorantes, shampoos e criou a loja on-line “Buriti'Guá Saboaria”, com cosméticos 100% naturais e veganos, feitos artesanalmente, a base de frutos do Cerrado. “São de época, então vou atrás deles. Ando pela cidade, recolho e faço o tratamento deles. É trabalhoso, mas também uma realização pessoal”.

Para os sabonetes de buriti, ela explica que precisa ir em regiões específicas. “É o fruto da palmeira, costuma ficar próximo a rios e nascentes”, diz. Tem os produtos feitos à base de bocaiuva. “Esses foram uma descoberta, pois não comia o fruto. No entanto, no sabonete ficou atrativo porque faço com a polpa da bocaiuva e fica perfeita, com uma coloração intensa”.

Sabontes a base de açaí, hibisco e spirulina. (Foto: Arquivo pessoal)
Sabontes a base de açaí, hibisco e spirulina. (Foto: Arquivo pessoal)

Para achar as bocaiuvas, Christianne não precisa ir muito longe. “Um passeio pela cidade e já consigo o material”, comenta. Outro fruto que também escolheu para transformar em cosmético foi o açaí. “Esse é interessante porque adiciono o pó. É energizante, estimulante e ajuda no crescimento capiliar”.

Além os frutos, a saboaria também conta com raízes, como a de quina. “Também da região do Cerrado. Essa planta tem substâncias específicas, contribui na reconstrução capilar, combate queda de cabelo, doenças no couro cabeludo. Tem substância saponina natural, proporciona limpeza profunda”, explica.

Sabonetes de buriti. (Foto: Arquivo pessoal)
Sabonetes de buriti. (Foto: Arquivo pessoal)

Ainda tem o sabão de juá, outra raiz característica do Cerrado. “É utilizada para lavar o cabelo, tomar banho. Contém substancias saponinas e adicionados a sabonetes ou shampoos, proporciona uma limpeza mais eficaz”, destaca.

Outras opções naturais produzidas por Christianne estão os sabonetes a base de alecrim, folha de amora, aleo vera, spirulina, hibisco, camomila, argila rosa, carvão ativado e muito mais. “Quando descubro algum fruto novo quero explorar. Minha vontade é ampliar a produção”, afirma.

Sabonetes de argila rosa. (Foto: Arquivo pessoal)
Sabonetes de argila rosa. (Foto: Arquivo pessoal)

Os cosméticos são produzidos em casa e ganham até formato de coração, que dão aquele charme especial ao produto. Infelizmente, por conta do isolamento social, a fabricação reduziu, porém, ela mantém a produção e conta com alguns estoques em casa.

O valor dos produtos varia e tem a partir de R$ 18,00. As vendas estão dando certo e a vontade de Christianne é conquistar ainda mais a clientela para se dedicar apenas ao negócio, e transformá-lo na sua principal fonte de renda. “É um sonho que estou buscando aos poucos”, finaliza.

Serviços - Os interessados em comprar os cosméticos podem entrar em contato pelo WhatsApp (67) 8175-7223 ou pelo Instagram @buritigua.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Os sabonetes buriti com quina, juá e carvão ativado com bocaiuva..(Foto: Arquivo pessoal)
Os sabonetes buriti com quina, juá e carvão ativado com bocaiuva..(Foto: Arquivo pessoal)


Confira a Galeria de Imagens: