A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 19 de Agosto de 2018

30/10/2017 08:03

Joel transformou triciclo em helicóptero e diverte as pessoas com telemensagens

Ex-técnico de eletrônicos, ele trocou a profissão para rodar a cidade e surpreender pessoas em datas especiais

Lucas Arruda
Joel Falcão com uma aniversariante em uma de suas entregas de mensagemns. Helicóptero faz sucesso em todas as festas (Arquivo pessoal)Joel Falcão com uma aniversariante em uma de suas entregas de mensagemns. Helicóptero faz sucesso em todas as festas (Arquivo pessoal)

Joel Falcão viu cair bastante a procura por seus serviços como técnico de eletrônicos em 2001 após o custo de novos aparelhos baratear. “Ninguém mais queria arrumar nada”, afirma. E nessas horas é que a criatividade aflora. Ele decidiu que era a hora de começar num novo ramo, o de telemensagens, com o que tinha disponível: uma bicicleta e cara de pau.

Normalmente enviadas em carros com grandes caixas de som, ele preparou e instalou as caixas de som na bike, para atender em diversos cantos de Campo Grande. Hoje o negócio está mais "tecnológico", motorizado e com uma hélice incrementada pela trilha sonora de helicóptero.

 

Ele começou numa bicicleta e hoje tem o triciclo helicóptero (Lucas Arruda)Ele começou numa bicicleta e hoje tem o triciclo helicóptero (Lucas Arruda)

“Conheci esse ramo quando fui entregar uma mensagem com um amigo, que fazia o serviço num carro. Para não ser concorrente dele, decidi montar tudo na minha bicicleta, que também era o único meio de transporte que eu tinha na época”, recorda.

O sucesso veio rápido. No auge do negócio Joel chegou a fazer até 6 mensagens por dia, tudo graças a sua irreverência e o jeito espontâneo de ser. “Sempre achei meio quadrado o jeito dessas mensagens serem entregues, fica o locutor falando, toca uma música de fundo, quase nunca fazem nada de diferente”, avalia.

Já ele começa a causar desde a hora em que sai de casa. Atualmente atende as pessoas num triciclo motorizado. O figurino é outro show à parte. Inspirado no brega, ele mistura calça verde com camisa roxa, quadriculado com amarelo e até uma roupa de marinheiro tem.

“Essa de marinheiro uso geralmente em despedidas de solteiro. Coloco uma das minhas roupas por baixo, ela por cima e quando chego começo a fazer um striptease tirando ela, mas ficando com a que estou por baixo”, relata.

Apesar de todo o carisma e exuberância na hora de atender a clientela o negócio não está rendendo como antes. Hoje ele faz cerca de uma mensagem por dia. “Caiu bastante, ainda assim eu não desanimo não. Já tenho planos para 2018, em vez do helicóptero vou fazer a nave espacial. Já usei ela uma vez, a aceitação do helicóptero foi maior, mesmo assim vou tentar de novo”, garante.

 

Triciclo atual em que ele atende as pessoasTriciclo atual em que ele atende as pessoas

Todos estes anos entregando mensagens renderam muitas histórias, algumas bem emocionantes, outras bastante engraçadas. “Outro dia, um irmão mandou uma mensagem para o outro, estavam brigados e ele queria se reconciliar. Fui, fiz minhas brincadeiras, mas sei ser sério também quando precisa. No fim, coloquei uma música bonita, os dois se abraçaram, se emocionaram e começaram a chorar. É muito bom quando consigo cumprir meu papel”, conta.

Normalmente ele chega nos lugares com um brega bem alto. Na playlist de Joel tem Sidney Magal, Amado Batista, Falcão (cantor em que se inspirou para o nome artístico), Tiririca, entre diversos outros cantores. Uma vez foi contratado para uma festa de aniversário e não estava encontrando o endereço. Viu um monte de carros parado, pensou que a comemoração era ali e ligou o som no talo, tocando uma música do Falcão.

“Um homem saiu gritando comigo lá de dentro me perguntando o que estava fazendo com aquela música alta no velório de seu irmão. Desliguei na hora, pedi desculpas e saí correndo de lá. Nem procurei mais a festa aquele dia”, lembra agora como uma história engraçada.

Quem quiser contratar o serviço do irreverente Joel Falcão deve entrar em contato pelo telefone 99217-8613, através de ligação ou whatsapp. Ele cobra de R$ 80 a R$ 120 por 30 minutos de mensagem e apresentação.

Acompanhe o Lado B no Facebook e no Instagram.

Ele cobra de R$ 80 a R$ 120 para entregar as mensagensEle cobra de R$ 80 a R$ 120 para entregar as mensagens


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.