A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019

23/06/2017 08:29

Para quem não experimentou, sábado tem stand up paddle e skate na água de graça

Ângela Kempfer
Wakeskate é skate na água. (Foto: Divulgação)Wakeskate é skate na água. (Foto: Divulgação)

Em uma cidade sem mar é difícil ver pranchas por aí e ainda mais complicado experimentar um tipo de treino que ficou famoso pelas imagens de celebridades nas revistas de fofoca. Por isso, amanhã o stand up paddle será de graça no Balneário Atlântico. Quem nunca remou sobre uma prancha vai poder experimentar o esporte que é super indicado para definição muscular.

No 1º Day Mahalo, quem aparecer também vai poder se arriscar em uma sessão de wakeskate, outra modalidade na água que promete maravilhas para o corpo. É o skate na água, com os pés livres para manobras, que exige preparo bem maior que no stand up paddle, mas também garante muito mais adrenalina.

Os dois treinos trabalham todos os músculos do corpo, com a vantagem da prática ao ar livre, em contato direto com a natureza. Em Campo Grande, como são poucos os espaços que tem banho liberado, o Balneário Atlântico virou o point desses esportes.

O custo é caro em ambos, pelo valor das pranchas, mas quem tem condições de investir vai encontrar grupos bem organizados, que levam os esportes a sério.

A Associação de Wakeskate de Mato Grosso do Sul acaba de ser criada é tem 15 pessoas. Jonas Feliz encabeçou essa mobilização pelo esporte e desenvolveu até um motor fixo, para diminuir os custos com aluguel da lancha necessária para puxar o skate na água. “Um dia, achei os esquis dos meus avós e fiquei com vontade de praticar algum esporte do tipo. Daí encontrei o wakeskate”, lembra.

Por uma mensalidade de R$ 100,00, os associados têm 2 treinos por semana, também no Balneário, faça frio ou faça calor. “É tão bom que ninguém fica com medo de frio não”, diz Jonas sobre o evento marcado para sábado, em pleno inverno.

Competição de stand up paddle. (Foto: Divulgação)Competição de stand up paddle. (Foto: Divulgação)

Com o stand up paddle funciona da mesma forma. Quem tiver coragem de entrar na água com o friozinho da semana, terá a chance de experimentar uma boa remada no Balneário Atlântico no sábado. O esporte na verdade é vendido como estilo de vida, porque além de todos os benefícios físicos, tem o tempo da contemplação.

Aqui na cidade é possível fazer aula particular da modalidade e treinar em viagens organizadas para o Pantanal, em vazantes com paisagens mágicas. A última ocorreu em Miranda, no Rio Salobra. Foram 3 dias em uma pousada, 26 quilômetros de remadas e muita musculatura trabalhada.

“É um esporte incrível porque, além de ser muito bom para o corpo, pela exigência constante da musculatura e do equilíbrio, tem o contato direto com a natureza”, diz Marcelo Rebua, presidente presidente da Associação Pantaneira de Stand Up Paddle.

O evento de sábado (24) começa cedo, às 7h30. O 1º Day Mahalo terá treino de natação, vivencia de stand up e de wakeskate, além de provas recreativas. O material será fornecido pelas associações e os interessados só precisam levar o lanchinho e pagar R$ 10,00 pela entrada no Balneário, que fica na saída para Três Lagoas, com entrada pela BR 262.

imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.