ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, SÁBADO  13    CAMPO GRANDE 28º

Faz Bem!

UFMS abre inscrições para aulas de dança de salão

Inscrições custam R$ 200 por semestre e aulas serão ministradas duas vezes por semana

Por Gustavo Bonotto | 27/02/2024 22:23
Duplas praticam dança de salão em projeto de extensão ofertado pela UFMS. (Foto: Reprodução/UFMS)
Duplas praticam dança de salão em projeto de extensão ofertado pela UFMS. (Foto: Reprodução/UFMS)

Interessados em aprender a dançar poderão participar das aulas introdutórias oferecidas a preço popular pela UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). As inscrições estão abertas até 9 de março.

As inscrições devem ser feitas prioritariamente em dupla, e para cada turma serão ofertadas 60 vagas, ou seja, serão contempladas 30 duplas, por ordem de inscrição. Pessoas sem par e as duplas que não conseguirem se inscrever dentro das vagas ofertadas, poderão se inscrever no formulário individual, para entrarem na lista de espera.

As aulas iniciam em março e serão ministradas na Faculdade de Educação, unidade 8, que fica em frente ao portão 20 do Estádio Morenão. É necessário pagar a taxa de R$ 200 por semestre. Haverá turmas de iniciantes e de pessoas que já participaram do projeto, distribuídas no período noturno durante a semana e matutino aos sábados. Os horários podem ser consultados aqui.

Segundo o coordenador, Marcelo Victor da Rosa, o objetivo é dar às pessoas acesso à arte da dança, com um ensino de qualidade.

"Os benefícios para os participantes são variados e vão desde o aprendizado da dança de salão em si, que as pessoas, quando não sabem, falam que nas festas ficam sentadas, não dançam; passando por uma maior aproximação entre a dupla, se têm uma relação afetiva ou se são amigos, se aproximam mais, saem para dançar; até benefícios para a saúde física e mental”, disse.

Receba as principais notícias do Estado pelo celular. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News no WhatsApp e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias