ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  14    CAMPO GRANDE 24º

Sabor

Além de tempero, chá de tomilho te ajuda a se recuperar do Carnaval

Erva típica do Mediterrâneo, unido à canela, forma uma combinação antiviral e bactericida

Por Aletheya Alves | 16/02/2024 07:35
Além de tempero, tomilho também pode ser aliado como chá no pós-Carnaval. (Foto: Marcos Maluf)
Além de tempero, tomilho também pode ser aliado como chá no pós-Carnaval. (Foto: Marcos Maluf)

Depois de aproveitar os dias de Carnaval, sentiu o corpo começar a ficar estranho? Hoje (16), o Lado B convidou a jornalista e agricultora urbana, Márcia Chiad para dar dicas de como te ajudar a se recuperar. Mostrando que os temperos vão muito além das receitas alimentícias, ela destaca que o tomilho se transforma em uma poderosa infusão com poder antiviral.

Conhecido por integrar o “buquê garni” (a junção entre louro, alecrim e tomilho para temperar risotos), o tomilho também é aplicável em outros momentos. “As pessoas esquecem o potencial medicinal que todos os temperos têm” diz Márcia.

Falando especificamente do tomilho, ele pode ser usado quando a sensação inicial da virose chega. “Você pode tomar até duas vezes ao dia nesse período porque ele traz uma barreira. Isso é destinado para algo bastante inicial, caso a pessoa vá ficando mal, é importante que procure seu médico”.

Para usar as ervas frescas, a orientação é dobrar a quantidade em relação às secas. (Foto: Marcos Maluf)
Para usar as ervas frescas, a orientação é dobrar a quantidade em relação às secas. (Foto: Marcos Maluf)
Canela vem como adição para reforçar a infusão. (Foto: Marcos Maluf)
Canela vem como adição para reforçar a infusão. (Foto: Marcos Maluf)

Na parte prática, Márcia detalha que é necessário realizar a infusão com as plantas de folhas moles. “O chá, originalmente, é especificamente de uma planta que se chama Camellia sinensis, mas aqui no Brasil chamamos tudo de chá. O que estamos fazendo é a infusão, ou seja, fervendo a água separadamente e depois deixando as folhas nessa água quente por alguns minutos”.

Para as instruções com o tomilho, a jornalista explica que a folha fresca ainda possui água, então, para 200 ml de água quente, adicione quatro ramos de tomilho fresco. Caso use a planta já seca, é só diminuir a quantidade pela metade.

“Além do tomilho, as pessoas também pode adicionar a canela. O processo, aqui é diferente da infusão, fazemos a cocção separadamente com caules, raízes e cascas. Por isso, é só colocar a canela diretamente na água e ferver por 5 minutos. Depois, só unir o resultado com o chá de tomilho”.

Márcia diz que o tomilho é uma planta fácil de cultivar em casa, assim como outras ervas que também podem ajudar nesses momentos.

“Muitas pessoas têm no quintal de casa a alfavaca-cravo, ela nasce até na rua e é usada para esses sintomas gripais. A terramicina também auxilia na questão bactericida, então é outra dica”, explica.

E, para quem quiser mais dicas de chás e ervas, Márcia irá realizar um curso neste sábado (17), no Recanto das Ervas. Mais informações podem ser consultadas neste link.

Confira a galeria de imagens:

  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News

Acompanhe o Lado B no Instagram @ladobcgoficial, Facebook e Twitter. Tem pauta para sugerir? Mande nas redes sociais ou no Direto das Ruas através do WhatsApp (67) 99669-9563 (chame aqui).

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para entrar na lista VIP do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias