A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 25 de Junho de 2017

17/02/2017 07:54

No centro, família abre café com sanduíches argentinos e bolinho frito especial

O lugar serve sanduíches do café da manhã ao happy hour

Thailla Torres
Esse é o sanduíche Portenito, com ojo de bife, chimichurri, tomate, alface e molho da casa. Esse é o sanduíche Portenito, com "ojo de bife", chimichurri, tomate, alface e molho da casa.

A casa antiga, de 1939, estava abandonada na Rua Pedro Celestino. Mas agora é espaço para o trabalho em família. Na garagem reformada, funciona o Choripan Café, lugar com sanduíches argentinos que ganharam versão campo-grandense. 

Quem serve são os donos, Alisson Pagnoncelli Toniel, de 36 anos, e Edilene Teixeira, 34. Casados há 12 anos, eram proprietários de uma casa de churrasquinho na Vila Jacy, mas fecharam para investir na produção de lanches.

"Meu pai é cabeleireiro há 52 anos e o proprietário dessa casa é um cliente dele. Meu pai alugou e montou o salão nos cômodos da casa, a gente decidiu reformar a garagem e abrir um café para servir o dia todo", diz Edilene.

Na foto, Dona Ilca, Alisson e Edilene. (Foto: André Bittar)Na foto, Dona Ilca, Alisson e Edilene. (Foto: André Bittar)

O lugar funciona do café da manhã ao happy hour. No cardápio, as opções são sucos, cafés, salgados, doces e os sanduíches argentinos o dia todo. 

Na escolha dos lanches, o tradicional é o "Choripan", recheado com uma linguiça tropeira. O pão recebe camada de manteiga e é levemente tostado na chapa quente. Depois, vem o molho chimichurri, um tempero argentino feito a base de salsinha, manjericão, orégano marinado por um dia no Azeite de Oliva, e molho de alho, por R$ 14,00.

Uma característica é a escolha da carne. "Geralmente na Argentina, a linguiça usada no choripan é com carne suína. Mas aqui, nem todo mundo gostava, até por questões religiosas, tem gente que não consome. Por isso, escolhemos a linguiça bovina", explica Alisson.

Os lanches também ganharam versões de frango, mas ainda tem o porco. O "Favorito", elaborado por Alisson é preparado com pão, pernil, molho a base de mostarda, Presunto Royale, queijo e picles. O lanche custa R$ 22,00 e é acompanhado de molho de cebola agridoce.

Outra opção é o ''Finno Pan'', por R$ 13,00, servido no pão francês, com tomate seco, rúcula, provolone, salame e molho de alho.

Choripan Favorito, com pernil, presunto royalem queijo e picles. (Foto: André Bittar)Choripan Favorito, com pernil, presunto royalem queijo e picles. (Foto: André Bittar)
Bolinho frito coberto calda de chocolate e coco ralado. (Foto: André Bittar)Bolinho frito coberto calda de chocolate e coco ralado. (Foto: André Bittar)

Já que hambúrguer está em alta em Campo Grande, Alisson decidiu criar o "Choriburguer", com hambúrguer feito de linguiça, chimichurri, queijo e molho de alho, servido no pão francês. O lanche custa R$ 16,00.

Também há salgados, bolos caseiros e até receita que veio de longe. Um deles é o "Beijinho de Mulata", ensinado por uma tia de Edilene, que mora em Valparaíso (SP). É um bolinho frito, coberto de calda de chocolate e coco ralado. A unidade custa R$ 2,00.

O cardápio foi incrementado graças a curiosidade de Alisson que sempre gostou de churrasco argentino. Depois de assistir muitos vídeos na internet, recebeu a dica para trabalhar na produção de sanduíches. "Foi um chefe de cozinha que me ensinou a receita original do chimichurri. Conversamos por email e ele sugeriu o choripan. Na Argentina, é igual o nosso cachorro-quente, tem um em cada canto", explica Alisson. 

Ele é técnico em informática, ela esteticista. Juntos, a construção do café é o início de um sonho. "A gente nunca foi à Argentina e parece que essa dica virtual foi um anjo na nossa vida. Agora o que é a gente quer é trabalhar bastante para conhecer o país juntos", declara Edilene.

O Choripan Café fica na Rua Pedro Celestino, 1259, Centro. Abre de segunda à sábado, das 7h30 às 20h.

Curta o Lado B no Facebook.

Espaço fica aberto das 7h30 às 20h na Rua Pedro Celestino. (Foto: André Bittar)Espaço fica aberto das 7h30 às 20h na Rua Pedro Celestino. (Foto: André Bittar)



Abre de segunda a sábado, mas sem crase.
 
Marques em 17/02/2017 16:47:42
imagem transparente
Busca

Compartilhe

Classificados


Copyright © 2017 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.