ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, SÁBADO  25    CAMPO GRANDE 14º

Lado Rural

Baixa rentabilidade poderia ser amenizada se pecuarista usasse mercado futuro

Estratégias de mercado, apagão da mão de obra e cenário político serão tema de evento na Expogrande

Por José Roberto dos Santos | 01/04/2024 15:05
Novilhos precoces criados a pasto em propriedade rural de MS; entre outros temas, evento aborda o ciclo pecuário. (Foto: Divulgação/Geliel Oliveira)
Novilhos precoces criados a pasto em propriedade rural de MS; entre outros temas, evento aborda o ciclo pecuário. (Foto: Divulgação/Geliel Oliveira)

O que um conhecimento de 150 anos pode ser útil para o pecuarista hoje? A resposta pode estar na utilização de uma ferramenta antiga, mas ainda pouco utilizada: o chamado ciclo pecuário. Segundo o especialista em mercado, Rogério Goulart, muitos produtores já entendem a lógica do ciclo e conseguem fazer suas preparações visando o longo prazo dos preços, mas ainda há muita gente que não aceita a existência desse ciclo.

“É comum encontrar ceticismo inicial em relação a novos conhecimentos, especialmente na pecuária, uma atividade tradicionalmente conservadora. Muitos pecuaristas tendem a se concentrar apenas na produção, sem considerar estratégias de comercialização e preços a longo prazo", avalia. Para o especialista, no entanto, quando apresentados de maneira metodológica e didática, como no ciclo pecuário, muitos mudam rapidamente de opinião e reconhecem as vantagens de adotar uma abordagem mais estratégica em relação à atividade rural, explicou Goulart.

Outra questão destacada é a utilização da trava de preços, ou mercado futuro, que tem sido amplamente difundida no setor. Segundo ele, é um caminho sem volta para quem deseja permanecer na atividade e torná-la rentável a longo prazo.

Custos de produção oscilantes

“Os pecuaristas enfrentam limitações de lucro devido à oscilação dos custos de produção, que, no primeiro trimestre de 2024, estão particularmente elevados para muitos, até ultrapassando os preços de venda. Essa situação poderia ter sido evitada com a utilização de metodologias como contratos futuros e de opções, que oferecem conhecimento valioso. É animador observar que, com o passar dos anos, a relutância em relação a essas operações tem diminuído, à medida que gestores mais jovens assumem responsabilidades, tornando esse tema menos tabu e mais acessível”, pontua o especialista.

Visando auxiliar o produtor na busca por esses conhecimentos, a Novilho Precoce MS promove durante a Expogrande 2024 um encontro com o tema “Pecuária em foco: mercado, gestão e política”, que pretende debater não só as estratégias para passar por períodos de desvalorização, como a própria gestão da mão de obra, outro grande gargalo do setor, e o atual cenário da política brasileira, com seus bastidores e como ela influencia no agronegócio.

Vantagens de sistema de criação do novilho precoce são a redução da idade do abate e o acabamento de carcaça. (Foto: Divulgação/Geliel Oliveira)
Vantagens de sistema de criação do novilho precoce são a redução da idade do abate e o acabamento de carcaça. (Foto: Divulgação/Geliel Oliveira)

“Estamos enfrentando um período desafiador, marcado pela desvalorização dos produtos no mercado nacional devido a uma demanda fraca e uma superprodução de animais nos últimos anos. Diante desse cenário difícil, é crucial adotar estratégias para mitigar os impactos negativos e nos prepararmos para tempos melhores, com preços e condições de mercado mais favoráveis", avalia Rafael Gratão, presidente da Novilho Precoce MS.

Para ele, a entidade também tem esse papel, de trazer essas percepções, não só de como lidar com esse momento, mas também com a escassez de mão de obra no campo e com os desafios políticos atuais. "Traremos no evento especialistas destas áreas e figuras importantes, que compartilharão as estratégias para melhorar o ambiente político e econômico para a pecuária”, pontuou Gratão.

O evento acontece no dia 5 de abril, a partir das 7 horas, no tatersal 2 da Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), durante a 84ª Expogrande. A entrada é gratuita e as inscrições podem ser feitas clicando AQUI.

Programação

Encontro Novilho Precoce Pecuária em Foco – Mercado, gestão e política

Café da manhã: 07:00 – 07:30 – Abertura com Rafael Gratão e Alexandre Guimarães, da Novilho Precoce MS

07:30 – 08:20: Palestra Mercado Pecuário com Rogério Goulart, editor Carta Pecuária

08:20 – 09:10: Palestra Desafios da Mão-de-Obra no Campo com Rogério Fonseca, consultor técnico e de gestão estratégica

09:30 – 10:30: Palestra Política no Agro com Nilson Leitão, presidente do Instituto Pensar Agro e Consultor da CNA

10:30 – Debate encerramento com Rafael Gratão | Senadora Tereza Cristina | Marcelo Bertoni | Marcos Pollon | Guilherme Bumlai e Nilson Leitão

* Com informações da Associação de Criadores de Novilho Precoce de MS.

Nos siga no Google Notícias