ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 31º

Mapa Interativo

No #TBT de festa junina, saudade de abraço em Dia de São João não falta

Junho é mês de festa junina e Dia de São João, celebrado hoje (24). Mas este ano o arraial continua na saudade

Por Thailla Torres | 24/06/2021 06:38
Bruna vestida de "caipira" em uma das festas juninas que mais sente saudade. (Foto: Arquivo Pessoal
Bruna vestida de "caipira" em uma das festas juninas que mais sente saudade. (Foto: Arquivo Pessoal

Desde o início do mês, a saudade da festa junina aperta no peito de muita gente. Hoje, Dia de São João, o Mapa Interativo publicado no início da semana reúne 20 lembranças de celebrações juninas cheias de alegria e amor pela cidade, algumas até do Nordeste.

Nem chá bar de casal escapou de tema junino. Jaqueline Maciel Vera de Souza, de 30 anos, lembrou do “charraiá” dos familiares Igor e Jaque, em 11 de junho de 2016. “Muito frio, quentão, comida gostosa, doces e o mais importante nossa família, amigos e muito amor”, descreveu.

Já Cristiane Meira, de 46 anos, reviveu na memória uma das festas na extinta Tapiocaria Pernambucana, na Vila Jacy. “Eu estava prestes a engravidar da minha filha em 2013. Me marcou muito aquela festa, nos divertimos muito, forró foi top”

Jaqueline Maciel Vera de Souza, de 30 anos, lembrou do “charraiá” dos familiares Igor e Jaque, em 11 de junho de 2016.
Jaqueline Maciel Vera de Souza, de 30 anos, lembrou do “charraiá” dos familiares Igor e Jaque, em 11 de junho de 2016.

Festa universitária também deixa saudade para a turma de amigos da Melissa Prado Romeiro, 29. “Saudade da festa junina da UCDB. Para nós acadêmicos que tínhamos acabado de ingressar na faculdade tudo era festa e a festa junina não foi diferente. Nós da psicologia nos juntamos com a turma da engenharia mecânica, ensaiamos quase nada, fomos na cara e na coragem, e ganhamos a quadrilha”.

O mês junino fala muito da história de amor de Janaina Silva que guarda na memória o abraço dado no atual marido um mês depois de começarem a namorar, em 2015. “Tivemos um breve relacionamento quando eu tinha 16 anos, fui estudar fora do estado e arrumei outra pessoa e ele também. Mas em 2015 o mundo girou e nos encontramos novamente. Estamos há 6 anos e agora esperando a nossa primeira filha que chega mês que vem”, celebra.

Janaina lembrou da festa junina e do abraço no maridão quando ainda namoravam.
Janaina lembrou da festa junina e do abraço no maridão quando ainda namoravam.

A Bruna Barros Souza lembrou da festa junina do Colégio Dom Bosco, em 2004. “Eu de azul e minha prima, Ana Carolina, preparadas pra dançar uma quadrilha. Hoje em dia adoramos um arraial e estamos ansiosas para o retorno das festividades”.

O arraial de Santo Antônio, realizado da prefeitura ficou marcado para Luis Antonio Bahr Nogueira, de 52 anos. “Em 2019 eu e minha namorada Vanessa Goulart fomos no arraial municipal e tivemos a honra de conhecer e conversar com o nosso ídolo de infância Dedé Santana”.

Já a professora Ana Karoliny Rodrigues Isac Adania, contou no Mapa Interativo como ela deu um jeitinho de celebrar a festa junina em meio a pandemia e sem aglomerações. “Em 2020 não pudemos realizar as tradicionais festas juninas na escola, foi tudo muito simbólico, trabalhando mais o lado teórico da época com atividades. Mas esse ano resolvi que queria dar uma agitada na minha turminha do 5° ano. Então convidei a minha colega professora do 4° ano para realizarmos uma gincana virtual. Os alunos e a família montaram ambiente junino e realizaram a típica dança dos festejos. Alguns até se animaram e fizeram as comidas típicas para enfeitar o cenário”.

A repórter do Lado B Bárbara Cavalcanti, lembrou das festas juninas do Nordeste. “O ano era 2003 e eu saí da minha cidade natal, Recife, em Pernambuco para embarcar pra vida de imigrante com minha mãe na Alemanha. Eu fui embora em maio, um mês antes do começo das festas juninas. Minha turma inclusive já estava ensaiando dançar quadrilha. Até que um belo dia, aparece no correio na minha casa lá longe uma carta e dentro dela a foto da minha turma da 4ª série, no São João da escola que eu não participei”.

E claro, além de muitos relatos, não podia faltar a maior saudade do Campo Grande News. “Morro de saudade do nosso Casório do Ano. Mas em 2022 nós voltaremos com a festa que celebra o amor entre o Campo Grande News e a cidade”, prometeu a editora chefe Ângela Kempfer.

Confira todos os relatos e fotos clicando no Mapa Interativo abaixo.


Nos siga no Google Notícias