ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, DOMINGO  27    CAMPO GRANDE 34º

Meio Ambiente

Após 32 dias de seca, meteorologia diz que chuva chega domingo

O tempo começa a mudar amanhã e há previsão de chuva para domingo com volume de 5 a 100 mm (milímetros) no Estado

Por Viviane Oliveira | 14/08/2020 12:09
Sequidão vista da região do Centro de Belas Artes, no Bairro Cabreúva (Foto: Marcos Maluf)
Sequidão vista da região do Centro de Belas Artes, no Bairro Cabreúva (Foto: Marcos Maluf)

Depois de 32 dias na secura, a chuva acompanhada com trovoadas e relâmpagos deve dar o ar da graça no domingo (16) em Campo Grande, de acordo com o meteorologista da Uniderp/Anhanguera, Natálio Abrahão. Já o frio vem na semana que vem, a partir do dia 19.

Amanhã (dia 15), segundo o Cemtec (Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima), áreas instabilidades começam a ganhar força sobre Mato Grosso do Sul. A previsão é de céu parcialmente nublado em todo o Estado  com possibilidade de pancadas de chuva para a região sul e sudoeste (Dourados, Ponta Porã, Rio Brilhante, Caarapó). A umidade relativa do ar vai melhorar nessas regiões, porém nas demais áreas ainda continuará baixa à tarde em estado de atenção à saúde com variação entre 25% a 85%. A OMS (Organização Mundial de Saúde) recomenda índice de 60% para a saúde humana.

Há possibilidade ainda de vento fraco (19 km/h) a moderado (de 20 a 51 km/h) em todas as regiões de MS. Mesmo assim, o sábado será quente no Estado com termômetros marcando 37ºC (nas cidades de Coxim e Água Clara). Na Capital, a máxima será de 36ºC.

Para o domingo (dia 16), a previsão é de céu nublado com potencial para chuva em grande parte de MS. Já para as regiões norte (Coxim) e nordeste (Aparecida do Taboado) há pouca chance de precipitação. A umidade relativa do ar se eleva com variação ao longo do dia de 60% a 100%. Há possibilidade de chuvas intensas de 5 a 100 milímetros, ventos fortes e raios com possíveis pontos de alagamentos e enxurradas temporárias principalmente nas cidades do sul do Estado. As temperaturas em Mato Grosso do Sul devem cair e poderão variar de 18ºC a 35°C.

Já as temperaturas caem de forma significativa na semana que vem. "O frio que não veio em julho chegará a partir do dia 19 (quarta-feira)", explicou o meteorologista Natálio. Já para os próximos dias 21 e 22, a previsão é de frio abaixo dos 5 ºC no Estado.

Regras de comentário