A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019

30/06/2019 20:31

Em 4 meses PMA apreendeu 744 kg de peixes e autuou 104 pessoas por pesca ilegal

Valor das multas aplicadas chegou a R$ 151 mil, conforme balanço divulgado

Clayton Neves
Peixes apreendidos durante fiscalização. (Foto: PMA) Peixes apreendidos durante fiscalização. (Foto: PMA)

Em quatro meses de fiscalização desde que foi aberto período de pesca nos rios de Mato Grosso do Sul, a PMA (Polícia Militar Ambiental) apreendeu 744,5 quilos de peixes capturados de maneira ilegal no Estado. Além disso, 104 pessoas foram autuadas por pesca ilegal.

Balanço divulgado pela PMA mostra que do total de flagrantes, 74 foram presos por pesca predatória e 30 autuados porque não tinham licença ambiental. O valor de multas aplicadas chegou a R$ 151 mil.

O mês de junho foi o mais tranquilo, com apenas um preso que foi multado em R$ 1.440. Em maio foram cinco presos com total de multa de R$ 11.060. Abril teve o maior número de autuados: 52 presos por pesca predatória que foram multados em R$ 88.913, e 29 por pescar sem licença, que receberam multas que somadas chegaram a R$ 22.680.

No mês de março foram 16 pessoas presas por pesca predatória, que foram multadas em R$ 26.258 e um pescador foi autuado por pescar sem licença, sendo multado em R$ 800.

Dos peixes apreendidos, 126 quilos foram encontrados vivos em petrechos ilegais, em sua maioria redes de pesca. Os animais vivos foram soltos nos rios e o restante, passou por análise e foi doado para instituições de assistência social.

De janeiro a junho foram apreendidos 15.410 metros de redes e 25 espinhéis com 290 anzóis, medindo 770 metros. Além dos espinhéis e redes de pesca, também foram apreendidos e retirados dos rios, 648 anzóis de galho, 17 tarrafas e 30 boias.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions