A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 21 de Outubro de 2018

23/02/2018 06:05

Meteorologia prevê sexta-feira sem chuva na maior parte do Estado

Expectativa é de que o céu permanecerá com poucas nuvens ou, no máximo, parcialmente nublado; chuvas devem ocorrer apenas na faixa de divisa com Mato Grosso

Humberto Marques
Campo Grande deve ter manhã de poucas nuvens e tempo, no máximo, parcialmente nublado durante a tarde. (Foto: André Bittar)Campo Grande deve ter manhã de poucas nuvens e tempo, no máximo, parcialmente nublado durante a tarde. (Foto: André Bittar)

A sexta-feira (23) promete ser de tempo estável, com nebulosidade variável e sem chances de chuva na maior parte de Mato Grosso do Sul. O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) aponta que são aguardadas pancadas de chuvas apenas em uma estreita faixa nas regiões norte e noroeste do Estado, ao longo da divisa com Mato Grosso –e, mesmo que ocorram, serão isoladas e rápidas, especialmente à tarde.

Em Campo Grande, a sexta-feira promete ser de céu com poucas nuvens pela manhã, evoluindo para parcialmente nublado durante a tarde e à noite, com rajadas de vento. As temperaturas devem oscilar de 18ºC a 31ºC, sendo que a umidade do ar chegará, ao máximo, em 70%.

No fim do sábado (24), a Capital deve ter chuvas isoladas e em pequena quantidade na parte da tarde. As pancadas de chuva devem ser fazer presentes no domingo e na segunda-feira (26), principalmente no fim da tarde.

A manhã de poucas nuvens deve se repetir em todas as regiões do Estado. Com exceção da faixa norte e noroeste, o tempo também se mantém parcialmente nublado no restante do dia. Os termômetros variam entre 16ºC, no sul e sudoeste, a 32ºC no Pantanal. Também há chances de pancadas de chuva com trovoadas nas tarde de domingo e segunda.

Massa de ar – A estabilidade é resultado da chegada de uma massa de ar frio ao sul do Estado. No fim de semana, porém, as chuvas devem voltar ao sul, também de forma isolada e não permanente. Na segunda-feira (26), apenas o sul de Mato Grosso do Sul não deve registrar chuvas significativas –nas demais regiões haverá pouca nebulosidade, com aumento dos riscos de pancadas com trovoadas isoladas.

O anúncio sobre a pausa nas chuvas gera alívio em municípios nas regiões sudoeste e do Pantanal, onde precipitações intensas no início da semana elevaram os níveis de rios e córregos, além de causar danos com enxurradas.

Após sérios danos em Aquidauana, Anastácio, Bela Vista, Bonito e Jardim, o Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) alertou que, por conta das cheias na planície pantaneira, havia riscos de alagamentos em Miranda –a 201 km de Campo Grande–, em decorrências do aumento do nível do rio do mesmo nome.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions