ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 31º

Meio Ambiente

Multado por degradação, Balneário tem licença cassada em Bonito

Imasul publicou portaria cancelando licença concedida em 2021 ao Bosque das Águas

Por Maristela Brunetto | 09/02/2024 11:18

PMA multou atrativo após verificar super lotação e lixo no final do ano; agora, Imasul cancela licença (Foto: Reprodução /Rede Social)
PMA multou atrativo após verificar super lotação e lixo no final do ano; agora, Imasul cancela licença (Foto: Reprodução /Rede Social)

Após receber multa de R$ 180 mil em janeiro por infrações ambientais, o balneário Bosque das Águas, localizado em Bonito, a 297 km da Capital, teve a licença de operação cassada pelo Imasul (Instituto de Estado de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul). O órgão pontuou que levou em conta relatório de fiscalização e decidiu por retirar a autorização para o empreendimento funcionar, concedida em 2021, com base nos princípios da precaução e prevenção.

O cancelamento é assinado pelo diretor-presidente do Imasul, André Borges Barros. No texto, são mencionados, ainda, o auto de infração e um laudo de constatação.

O atrativo entrou na mira da fiscalização após irregularidades ocorridas no final do ano, quando houve elevado número de turistas na cidade. Policiais ambientais apontaram que havia excesso de pessoas no local, que é uma APP (Área de Preservação Permanente), com potencial poluidor dos recursos naturais.

Entre as infrações mencionadas constaram o pisoteamento na vegetação dentro da APP e o acesso ao Rio Formoso pelas margens, prejudicando a preservação. Lixo foi encontrado no local, também foi verificado excesso de veículos. A PMA ainda repassou que faltavam informações aos visitantes sobre os cuidados com a preservação e as condutas vedadas aos frequentadores.

A instituição apontou que a conduta do proprietário foi negligente. Na época, a administração do atrativo chegou a dizer que adotaria ações mais rígidas para proteger o local.

A situação verificada no fim do ano levou o Imasul a informar que realizará uma força-tarefa com a PMA para fiscalizar os atrativos turísticos de Bonito durante o Carnaval. A Prefeitura da cidade não vai realizar festa de rua, mas como se trata do principal roteiro turístico do Estado, há expectativa de receber muitos visitantes.

Nos siga no Google Notícias