A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 26 de Abril de 2019

25/01/2019 09:43

No mesmo dia, Estado registrou temperaturas entre 19ºC e 44ºC

Parte das cidades do centro, sul, norte e sudoeste, tiveram teve pancadas de chuvas isoladas e ventos fortes com rajadas acima de 80 km/h

Geisy Garnes
Céu de Campo Grande fotografado no Bairro Oliveira III na tarde de ontem  (Foto: Direto das Ruas)Céu de Campo Grande fotografado no Bairro Oliveira III na tarde de ontem (Foto: Direto das Ruas)

A quinta-feira (24) em Mato Grosso do Sul foi marcada por mudanças repentinas no tempo e dois extremos: de um lado Campo Grande com chuva, raios e uma queda de 16°C na temperatura. Do outro, Porto Murtinho com sensação térmica de 44°C e o título de cidade mais quente do país.

Segundo o meteorologista da Uniderp, Natalio Abraão, em Campo Grande na tarde de ontem foram registrados 54,2 milímetros de chuva, 44 deles em 33 minutos de temporal. Das 15h30 às 16 horas os ventos chegaram a 88,2 km/h, de noite novas rajadas atingiram 50 km/h.

Uma hora antes da chuva termômetros marcavam 35,8 °C, no momento do temporal chegou a 23,7 e uma hora depois caiu para 19,0 ºC. Durante a noite a temperatura subiu para 23,2. A mudança no tempo da Capital veio acompanhada de uma verdadeira chuva de raios, foram 444 durante o dia.

Moradores de Nioaque também registraram queda de raios (Foto: Direto das Ruas)Moradores de Nioaque também registraram queda de raios (Foto: Direto das Ruas)

A chuva também chegou a Chapadão do Sul com ventos de 54 km/h e 45 milímetros de acumulo de água. Em Costa Rica foram registrados 12 mm de chuva que deixaram o céu nublado nesta manhã. Temporal também atingiu Ponta Porã. Em meia hora foram 18,6 mm de chuva com vento de 48 km/h.

“Enquanto isso Porto Murtinho continua um forno. Entre 14h30 e às 20 horas a temperatura máxima ficou em 41,0 °C, com sensação de 44°C”, reforçou Natalio Abraão. A alta temperatura garantiu ao município sul-mato-grossense o topo de lista das dez cidades mais quentes do Brasil.

O segundo lugar também foi para uma cidade de Mato Grosso do Sul. Bela Vista – município a 322 quilômetros da Capital – registrou 39,2°C. Em oitavo lugar aparece Três Lagoas, onde a máxima chegou a 37,9 °C, com sensação de 41,8. Lá, o calor intenso veio acompanhado por chuvas e ventos de 55 km/h.

Ainda segundo o meteorologista, parte das cidades do centro, sul, norte e sudoeste, tiveram teve pancadas de chuvas isoladas e ventos fortes com rajadas acima de 80 km/h. Para essa sexta-feira (25), a previsão é de tempo instável, com pancadas de chuva em várias regiões do Estado.

As dez cidades mais quentes do país segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia)As dez cidades mais quentes do país segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions