ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 31º

Meio Ambiente

PMA multa em R$ 15,7 mil três paranaenses por pesca ilegal

Durante a operação foram apreendidos 1.500 metros de redes de pesca, barco, motor de popa e 234 kg de peixes

Por Eduarda Victória | 18/10/2020 15:27
234 kg de peixes apreendidos pela PMA (Foto:Reprodução/PMA)
234 kg de peixes apreendidos pela PMA (Foto:Reprodução/PMA)

A PMA (Polícia Militar Ambiental)  de Aparecida de Taboado prendeu ontem (17) três paranaenses por pesca predatória, durante a fiscalização no Rio Grandinho, em Aparecida do Taboado, município distante 481 km de Campo Grande.

No momento que foram surpreendidos pela PMA, os três homens estavam em um barco conferindo e armando 30 redes de redes de pesca (petrechos proibidos), as quais medidas chegaram a 1,5 mil metros.

Redes de pesca apreendida pela PMA (Foto:Reprodução/PMA)
Redes de pesca apreendida pela PMA (Foto:Reprodução/PMA)

Na operação, a PMA apreendeu 234 kg de pescados, barco, motor de popa e as redes de pescas, petrechos que têm grande poder de captura e dizimação de cardumes. Além disso, a polícia soltou vários exemplares vivos que estavam presos nas redes.

Dois infratores, de 38 e 62 anos, são residente de Londrina (PR), e outro de 38 anos de 1º de Maio (PR). Todos receberam voz de prisão e foram levados a Delegacia de Polícia Civil de Aparecida do Taboado, onde eles foram autuados em flagrantes por crime ambiental de pesca predatória e foram liberados após pagar fiança.

Cada um dos infratores foi multado, totalizando R$ 15.680. O pescado apreendido será doado para instituições filantrópicas.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário