A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 25 de Abril de 2019

29/11/2018 12:15

Prefeituras, setor produtivo e Imasul vão discutir situação dos rios

Encontro foi anunciado pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB) nesta quinta-feira (29)

Izabela Sanchez
Rio da Prata, no balneário de Jardim, após ser invadido pela lama de duas fazendas (Divulgação)Rio da Prata, no balneário de Jardim, após ser invadido pela lama de duas fazendas (Divulgação)

Reunião entre as Prefeituras de Bonito, Jardim e Bodoquena, setor produtivo, Imasul e Secretaria de Desenvolvimento deve discutir medidas para lidar com a situação dos rios na região de Bonito e Jardim. O anúncio é do governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

O governador afirmou que o Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) já realiza uma série de medidas emergenciais, depois do episódio da lama que invadiu o Rio da Prata em Jardim.

“O Imasul tem feito um estudo junto com a Prefeitura e o setor produtivo. Ali tem que ter um olhar, tanto do poder público quanto do setor produtivo, até pela realidade da importância daqueles rios para o setor do turismo. Então tem uma série de medidas que o Jaime [Secretário Semagro] já viu, foi olhado o que causou alguns daqueles problemas ali, principalmente no Rio da Prata, então tem que ter um olhar e um cuidado especial”, comentou.

Situação dos Rios – Nas últimas semanas imagens do Balneário de Jardim, que exibia o Rio da Prata lamacento viralizaram na internet. Com as chuvas que caíram no local, lama de lavouras de duas propriedades rurais invadiram o rio.

Proprietários de duas propriedades rurais próximas ao rio da Prata, no município de Bonito –a 257 km de Campo Grande–, foram notificados pelo Imasul por não terem construído curvas de níveis durante o manejo do solo para o plantio de soja. A falta das barreiras, consideradas indispensáveis para conter erosões, são apontadas como possíveis causadoras do carreamento de sedimentos que sujaram as águas do rio.

No último sábado (24), o principal rio de Bonito, o Rio Formoso, exibiu as águas completamente turvas. A situação ocorreu uma semana depois da chuva que levou barro para o Rio da Prata, na cidade vizinha, Jardim, e deixou a água do rio irreconhecível.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions