A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

11/09/2018 13:23

Primeiros dias de setembro têm um incêndio florestal a cada hora em MS

Levantamento do órgão aponta que no período ocorreram 300 incêndios até está terça-feira (11) - 27 incêndios por dia

Guilherme Henri
Incêndio florestal em Inocência neste mês (Foto: Assessoria/ Bombeiros)Incêndio florestal em Inocência neste mês (Foto: Assessoria/ Bombeiros)

Nos primeiros 11 dias de setembro foi registrado um incêndio florestal por hora em Mato Grosso do Sul, informou o Programa de Queimadas do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais). Levantamento do órgão aponta que no período ocorreram 300 incêndios até está terça-feira (11) - 27 incêndios por dia. 

Além disso, o número que já é mais da metade do que registrado durante todo o mês passado (442). Ainda conforme o programa, em setembro do ano passado foram registrados 2.084 incêndios. Em 10 anos, a média de registro no mês é de 1.751 casos.

O alto número de casos está diretamente ligado com o calorão e a baixa umidade do ar. Sete cidades de Mato Grosso do Sul enfrentaram umidades relativa do ar extremamente baixa na segunda-feira (10). Em Coxim, o índice foi de 9%. Em Costa Rica e Chapadão do Sul, a umidade chegou a 10%. Cassilândia e Amambai tiveram registros de 11% e Água Clara e Bela Vista, 12%.

A umidade relativa do ar abaixo dos 12% é considerada de nível emergencial. Conforme classificação da meteorologia, o estado é de alerta quando os índices estão abaixo dos 20%.

A Organização Mundial de Saúde estabelece que índices inferiores a 60% não são adequados para a saúde humana.

Além disso, as altas temperaturas registradas em Mato Grosso do Sul na tarde de segunda-feira colocaram duas cidades do Estado dentre as mais quentes do país. No ranking do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), Sonora ocupou a 2ª posição e Coxim a 8ª.



Nossa empresa tem a solução para os incêndios florestais, através de um produto equilibrado em sua tecnologia, permitindo que se tenha o controle do fogo e podendo ser aplicado com até 15 dias de antecedência, onde o fogo não progride seja em copas das arvores, rasteiros e/ou debaixo da terra ( Pit Soel ), com características especiais não oferece qualquer dano a natureza ( Solo — Vegetação — Afluentes — qualquer cultura agronômica ).
É de fácil aplicação e baixo custo.
Após a aplicação ele se degrada naturalmente em até 22 dias, não atraindo qualquer tipo de mudança local. Ecologicamente perfeito e financeiramente viável. FERTILFIRE Bloqueia a passagem do fogo em 100 % dos casos.
 
Renato em 14/09/2018 13:48:52
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions