ACOMPANHE-NOS    
JULHO, TERÇA  14    CAMPO GRANDE 18º

Meio Ambiente

Sem geada, sexta-feira registra 5,6 graus em Iguatemi

Em Ponta Porã, a mínima foi de 9,9ºC e Corumbá 18,7ºC, conforme o meteorologista da Uniderp, Natálio Abrãao

Por Viviane Oliveira | 29/05/2020 06:47
Em Campo Grande, o dia amanheceu ventando com temperatura de 15.6ºC, por volta das 6h (Foto: Henrique kawaminami)
Em Campo Grande, o dia amanheceu ventando com temperatura de 15.6ºC, por volta das 6h (Foto: Henrique kawaminami)

Depois de quatro dias com amanhecer gelado em cidades da região sul do Estado com mínima de até -2ºC, a sexta-feira (29) amanheceu sem geada. A menor temperatura foi registrada em Iguatemi com 5,6ºC, seguida de Cassilândia 7,5ºC.

Em Ponta Porã, a mínima foi de 9,9ºC e Corumbá 18,7ºC, conforme o meteorologista da Uniderp, Natálio Abrãao. Em Campo Grande, o dia amanheceu fresquinho com os termômetros na casa dos 15.6ºC, por volta das 6h. De hoje para amanhã, não há expectativa de chuva em MS devido ao predomínio da massa de ar frio e seca. A umidade relativa do ar poderá ficar abaixo de 30% considerado estado de atenção, segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde). O ideal é acima de 60%.

Entre os dias 31 de maio (domingo) a 2 de junho (terça-feira), há previsão de formação de áreas de instabilidades, podendo provocar pancadas de chuvas em grande parte das regiões de Mato Grosso do Sul com acumulado máximo de até 30 mm (milímetros) no período.

Conforme o Cemtec-MS (Centro de Monitoramento de Tempo e do Clima), uma nova frente fria está prevista entre os dias 3 a 6 de junho quando as chuvas retornam a Mato Grosso do Sul com acumulado de até 70 milímetros, concentrados em municípios da região central do Estado (Campo Grande, Bandeirantes, Corguinho). Há possibilidade de chuvas intensas, ventos fortes, raios e queda de granizo.