ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 31º

Meio Ambiente

Sucuri gigante desfila para banhistas em pleno sábado de Carnaval em Jardim

Animal deslizou tranquilamente por uma queda d'água, seguindo suavemente o fluxo do Rio da Prata

Por Jhefferson Gamarra | 10/02/2024 19:08


Os foliões que aproveitavam o Carnaval no Balneário Santuário do Prata, em Jardim, a 236 quilômetros de Campo Grande, foram brindados com um espetáculo surpreendente neste sábado (10). Uma sucuri gigante decidiu desfilar pelas águas cristalinas do Rio da Prata, proporcionando um momento único aos banhistas.

Embora seja considerado "normal" na região do Ecoturismo, essa foi a primeira vez que a serpente escolheu o balneário para seu desfile aquático. Enquanto turistas se refrescavam nas águas do rio, a sucuri, com mais de 5 metros de comprimento, apareceu de maneira tranquila, surpreendendo a todos.

O empresário Márcio Luiz, morador de Sete Quedas e autor das imagens, disse que foi a primeira vez que ficou tão próximo do animal. "Nunca tinha visto, foi a primeira vez. Fiquei com medo, na verdade todos ficaram. Mas parece que ela tava gostando de ver todos filmando, passou bem de mansinho e de boa".

Nas imagens registradas, a sucuri desliza tranquilamente por uma queda d'água, seguindo suavemente o fluxo do rio. A espécie, não peçonhenta, é a maior serpente do Brasil e habita principalmente as margens de rios e igarapés. Sua dieta é carnívora, alimentando-se de peixes e rãs, e ocasionalmente caça animais que se aproximam das margens dos corpos d'água.

Apesar do susto dos banhistas, que saíram rapidamente da água, não há relatos científicos comprovados de sucuris predando seres humanos. A orientação das autoridades ambientais é não se aproximar de animais silvestres, mesmo durante encontros inusitados como este. Filmar é permitido, mas perturbar a vida selvagem pode resultar em multas administrativas de até R$ 5 mil e penas de prisão de 6 meses a um ano.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias