A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 17 de Agosto de 2019

28/06/2019 10:02

“É um bandido infiltrado”, diz Damares sobre militar preso com 39 kg de cocaína

Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves está em Campo Grande onde participa de eventos com conselhos

Izabela Sanchez e Leonardo Rocha
Damares Alves, Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (Foto: Marina Pacheco)Damares Alves, Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (Foto: Marina Pacheco)

“É um bandido infiltrado”, assim definiu a Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, sobre o sargento da aeronáutica brasileira, Manoel Silva Rodrigues, 38, que levou 39 kg de cocaína em um malote, na aeronave reserva da presidência, durante viagem oficial do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ao encontro do G20, em Osaka, no Japão.

O militar da comitiva do presidente foi preso em Sevilla, na Espanha, e agora é investigado, no Brasil e na Espanha, por tráfico internacional de drogas, o que trouxe constrangimento a um governo cujo “combate às drogas e aos criminosos”, além da defesa da ala militar, foi intensamente ventilado durante a corrida presidencial.

Tratado com panos quentes pela presidência, o assunto foi comentado, nesta sexta-feira (28), pela Ministra, que visita Campo Grande, onde participa de um evento junto a conselhos tutelares. Damares acredita que “existem bandidos em todos os lugares”.

“Esse episódio mostra que muita coisa precisa ser consertada no país. Quantas vezes essa pessoa viajou levando drogas e não foi descoberto? Abre um alerta: isto comprova tudo que o nosso presidente vem falando, existem bandidos em todos os lugares, e esse é um bandido infiltrado. Ele não é bandido porque estava nas forças armadas, ele procurou as forças armadas para cometer atos ilegais e ser um bandido, esta era a intenção dele”, disse.

Já chamado de “mula qualificada” pelo vice-presidente, general Hamilton Mourão, Rodrigues está na FAB (Força Aérea Brasileira) há 19 anos. Passou a integrar o GTE (Grupo de Transporte Especial), responsável por transportar as principais autoridades do Executivo federal, em 2010. E, desde 2016, integra a equipe que viaja nessa aeronave reserva da presidência.

Em Campo Grande, Damares vai entregar veículos para os conselhos tutelares de cinco municípios e aproveita para fazer visitas a órgãos de atendimento a crianças e adolescentes e também para se reunir com o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB).

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions